...onde o facto pactua com a verdade... sempre!!!

contador
Domingo, 23 de Janeiro, 2011

 

 

Projecção Intercampus para a TVI dá vitória a Cavaco Silva. Manuel Alegre entre os 17,2 e 21,2%; Fernando Nobre entre os 12,4% e os 16,4%; Francisco Lopes entre os 5,8% e os 8,8%; José Manuel Coelho entre os 3,1 e os 5,1%; Defensor Moura entre os 0,7% e os 2,7%. Abstenção poderá oscilar entre os 49 e os 53%.

 São estes as primeiras projecções depois das 20:00h que dão vitória a Cavaco, candidato apoiado pelo centro direita. No imediato fica a "meia surpresa" por tamanha amplitude em relação aos seus adversários, mormente M. Alegre, que na melhor das hipóteses pode chegar perto da fasquia dos 22%, muito aquém daquilo que esperava o rosto socialista e do BE, apesar de, após serem conhecidas algumas projecções, apontarem para tal diferença de resultados, porém a esperança esquerda era muita....

 Por volta das 22:30h acompanhado de sua esposa e restante família Cavaco Silva entre vivas, palmas e cânticos de "Portugal, Portugal", falou sobre o que pretende neste próximo mandato:

 «Um candidato não tem um programa, mas tem uma linha de acção e um projecto. Serei referencial de confiança, estabilidade e solidariedade, sem abdicar dos poderes. Cooperarei com todos os órgãos de soberania. No imediato, a prioridade é combater o flagelo do desemprego, do endividamento externo e do refoço da ecomomia. Estarei na luta pela inclusão ao combate à exclusão que decorre de desemprego. Farei ouvir a minha voz em defesa de idosos, reformados e cidadãos com deficiência. Empenhar-me-ei para que a nenhum português faltem cuidados de saúde, qualidade no ensino e justiça. Estarei ao lado do empresários e autarcas. Dedicarei atenção às comunidades da diáspora e às forças armadas. Defenderei mundo rural. Valorizarei a cultura e a lusofonia. Tudo farei para que os jovens acreditem em Portugal. Confio na energia criadora dos nossos jovens. Procurarei mobilizá-los para que façam ouvir a sua voz. Dedido esta vitória ao futuro da nossa pátria e aos jovens. Lutem pelo vosso futuro e terão em mim um aliado. Sou um presidente do povo, orgulho-me das minhas raízes. Nunca vendi ilusões aos portugueses. A minha força vem do povo e no quadro das minha competências irei utilizar essa força. Irei exercer uma magistratura actuante para que Portugal encontre rumo de futuro e renove a esperança do nosso povo. Esta campanha reforçou a convicção das dificuldades que atravessamos. Muitos portugueses estão em situação preocupante. Irei actuar com verdade. Acredito nos portugueses. Com a grande vitória de hoje, os portugueses disseram que acreditam no contributo que irei dar para vencer a dificuldade do presente. A todos o meu obrigado. Viva Portugal»

 No que ao distrito de Braga diz respeito, Cavaco Silva quase atingiu a marca dos 60%.  O Presidente da República atingiu os 57,77%, com 222.444 votos, quando estão apuradas todas as 515 freguesias.

Manuel Alegre ficou-se pelos 19,24% e 74.086 votos, deixando Fernando Nobre nos 13,07% (50.336). Mais atrás vem Francisco Lopes, com 4,46% (17.189 votos); José Manuel Coelho nos 3,67% (14.137) e Defensor Moura nos 1,79% (6.875).

O nível de votação atingiu os 52,54%.

O socialista Manuel Alegre, assumiu por completo a derrota, separando as águas ao afirmar que foi ele quem perdeu e não o P.S.:

«O apoio dos partidos não falhou. Todos os candidatos tiveram menos votos, o que não diminui a legitimidade de quem ganhou. Já o felicitei, desejo que tenha um bom mandato. Em política é preciso é ter coragem. Nunca fui calculista, sempre travei os combates necessários. Já ganhei uns, perdi outros. É isso que faz a força da democracia. Já ganhei com o Partido Socialista, não foi o Partido Socialista que perdeu. Fui eu que perdi porque não consegui os objectivos. Não era candidato do governo. Isto não tinha graça se estivéssemos todos de acordo. No PS há liberdade. A força da esquerda é também a sua diversidade. Estivemos unidos nesta candidatura».

 Já Fernando Nobre agradecis o apoio prestado desde a primeira hoera e que sem apoios nenhuns atingiu uma marca histórica e honrosa:

Foi com «obrigado» que Fernando Nobre foi aclamado na noite em que conseguiu um terceiro lugar nas eleições presidenciais. «Independentemente do que se diga amanhã, mais uma vez, os opinadores encartados que tudo sabem mas que não têm a coragem de se erguer para demonstrar o que eles sabem sobre o povo português, esta candidatura foi a grande candidatura vitoriosa desta noite, isto ninguém nos pode tirar», declarou, sempre interrompido por aplausos fortes.

O candidato, que concorreu sem nenhum apoio e que conseguiu uma campanha que lhe permitiu revirar um resultado que se previa de pouco sucesso, não deixou de salientar as características de uma candidatura única em 100 anos de república.

«Esta candidatura da pura cidadania teve um resultado histórico, tremendo que ninguém vai poder negar. Se houve um ganhador foi a candidatura da cidadania. Com cerca de 14 por cento dos votos e 500 mil votantes, não tenhamos dúvidas, a cidadania está viva. O futuro do nosso país terá de ter isso em conta doravante». Nobre agradeceu aos voluntários que sem nenhuma remuneração «permitiram que esta candidatura, a única com estas características em 100 anos da República, fosse a vitória que ela hoje representa».

 

Por seu lado o candidato dos comunistas, Francisco Lopes explicou.

«Cada voto pesará na acção para abrir um caminho novo para Portugal. Esta candidatura colocou aos portugueses a necessidade da ruptura e mudança face às políticas que conduziram o país para um atoleiro. Trouxemos problemas e aspirações do povo. Esta foi a candidatura dos trabalhadores. Os resultados eleitorais claramente acima dos 7 por cento traduzem força para um projecto indispensável para Portugal».

Já José Manuel Coelho, reagia assim aos resultados eleitorais:

«Agradeço a votação expressiva no Continente, onde tive 4,5 por cento. É um resultado extraordinário, atendendo a que a candidatura foi marginalizada nos debates televisivos. É um sinal de que os portugueses estão cansados do capitalismo selvagem. É um sinal para Cavaco Silva mudar de política e obrigar o primeiro-ministro a fazer política de combate à corrupção e em prol dos ideais de Abril. Gostaria de ter debatido os casos do BPN e Quinta da Coelha e a situação anti-democrática da Madeira onde temos um tiranete que fecha a assembleia quando quer. A situação do nosso país já não será mesma, Cavaco Silva recebeu um cartão vermelho».

 

Já o minhoto Defensor de Moura, que para muitos ficou muito aquem das expectativas (tendo apesar de tudo, atingido os10% em Viana do Castelo, o seu distrito natal, afirmava na hora da derrota pesada e do "último lugar":

"considero que a minha candidatura teve o grande efeito de revelar quem é, de facto, Cavaco Silva.

«Estou tranquilo porque acho que consegui quebrar o verniz do candidato Cavaco Silva, que daqui para a frente não será a mesma pessoa. Quebrei o verniz com que tinha sido maquilhado durante todos estes anos», disse, em reacção às sondagens que o colocam como o grande derrotado da noite.
Defensor Moura poderá obter entre os 0,7% e os 2,7% de acordo com a sondagem Intercampos/TVI.
Assumindo a derrota, ele que foi o candidato menos votado, de acordo com as sondagens à boca das urnas. «Saio derrotado e assumo isso com toda a naturalidade».
Defensor Moura sublinhou ainda candidatura de José Manuel Coelho, que «explorou a veia satírica da nossa sociedade».

Num próximo artigo iremos colocar no blog os resultados totais e finais destas eleições Presidenciais.



publicado por carlitos às 23:10

Outra Cidade de Braga
mais sobre mim
Abril 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


ELEVADOR DO BOM JESUS DO MONTE
pesquisar
 
últ. comentários
ola Sílvia.Como amigo que fui do Mário, não podia ...
Olá Carlos!Peço imensa desculpa por não ter respon...
Força Sporting!!! Vamos ganhar Zurich!!!!
Se foi apanhado nas malhas do doping só terá de pa...
Creio que virá a ser uma grande jogador!! já tinha...
É bom ver que grandes marcas como a HP têm em cont...
Será verdade? Este Alan gosta muito de picar o Jav...
Sinceramente acho que este senhor ficou tempo dema...
Poderíamos ter uma equipa já apurada para a próxim...
Vale é que muitos pais avós (agora promovidos a am...
LARGO do PAÇO BRAGA
BRAGA
JARDIM SANTA BÁRBARA - BRAGA
BANCO DE PORTUGAL - BRAGA
SC BRAGA
Outra Cidade de Braga
VICE-CAMPEÃO NACIONAL
ESTÁDIO AXA