...onde o facto pactua com a verdade... sempre!!!

contador
Sábado, 30 de Junho, 2012

Depois das emoções do Euro 2012 onde a seleção de Pprtugal mostrou qualidade e superou as espectativas de muitos - que não eu - regressarei em breve para voltar ao contacto com vocês, leitores e amigos.

Abraços

CARodrigues

publicado por carlitos às 00:31

Segunda-feira, 30 de Janeiro, 2012

A pedido de Paula Ana da Freita Marçal, Lisboa, que solicitou a publicação do meu poema "Dôr" e o meu conto "a idade da sabedoria"

E, Paula os blogues são também veiculos de amizade e de ajuda. Manda sempre! Beijinhos!

 

Dor

É Uma Dor que não quer desaparecer

Pior que a dor física

Dor de quem sente os seus entes queridos fugirem

Como se de areia se tratasse entre os seus dedos

Dedos tremulos

Corpo e Mente que querem descanso

Estão fatigados dos dias repetitivos

Mas vazios

Dos dias que não chegam a Ser

Pela ausência que marcas em Ti

Quando sorristes pela última vez?

Será que te recordas de te ouvir dizer

Que amanhã será melhor que hoje?

Será que te recordas daqueles dias

Em que não tinhas nem dor nem medo?

 

Ah Mente Doente que quer pensar

Outra e outra vez num pensamento cheio de esperança

Mas nunca uma mente que mente que foge

E que demora em saber o que deve fazer

Pensa

És Ciente da culpa

Tem que reverter o jogo

Tem de vencer a dor dê por um der

Para voltar a ter Tudo de volta

O Amor que nunca faltou o apoio ou o Carinho

É um caminho que se faz caminhando

Com atitude e atos

Atos de querer de vencer e de voltar cara ao vazio

Ao que te consome

 

ELES continuam lá

Á espera de um sinal

De um alívio para que voltem o sorriso e a felicidade

Seria mais dificil se não conhecesses essa dor

Porque a conheces podes vencer agora e não amanhã

pois amanhã pode ser tarde ou longe demais

Faz esse caminho que será de luz e de Certeza

Uma Certeza Certa de encontrarás quem parece ter fugido

Mas não, são ilusões dessa mente que mente

Dessa Mente Doente e incerta

Eles estão lá

 

Jamais fugirão

Dá-lhes a mão ou um Abraço

Verás que tudo é certo e verdadeiro

Pensa nos teus dias em pleno

Ou Será que te esqueces que

Provaste a Morte

E não gostaste?

 

Prova agora a Vida

Dá esse prazer a quem por ti espera

A Quem por ti chora


Assim venças essa dôr

que em tua mente que mente está

Mas podes fazer o que quiseres

E o que Deves para voltar a Ser

Abandona a sombra e a letargia como se estivesses já morto

Faz-te á Vida

Porque eu sei que queres sorrir e queres voltar a Ser

Aquele que nunca desisitiu

Eles estão á espera

Vence a dòr e tudo será Melhor, Diferente

Mais fácil

 

Terás a vida a teu colo

Os Amigos e a Família

Vence essa dor que eu sei lacerante e terrível

Mas só para quem a conhece

Se é díficil explicar?

Sim.

 

Mas como nos teus sonhos deixa-te abraçar por braços de amor e de Carinho

Por aqueles que vão estar sempre lá, depois da Dôr

Vencerás essa Dòr

Eu sei...

É Uma dor Que Tanto Magoa os Outros

Mais do que a TI Próprio

Pensa e vence essa dor que te Fustiga mas que te pode fazer Voltar e

Vencer essa dòr que magoa mais os outros que a Ti...

 

Uma dôr que persiste em não querer desaparecer

Parece que me quer levar com ela

Será que amanhã ainda será assim?

Será?

 

 

A Idade da Sabedoria...

 

 

 O crepúsculo daquela tarde começara antecipadamente por vias da ameaça de umas nuvens de cinzento-escuro vestidas, que emprestavam ao momento um sentimento de nostalgia.

Ela, sentada numa pedra estrategicamente colocada no início da vereda estendia o seu olhar por todo aquele conjunto de vales e montanhas que se perdiam para lá do horizonte.

Era uma das zonas mais bonitas da Serra do Gerês. Disso nunca tive dúvidas. Isto se for possível distinguir os vários níveis de beleza daquele espaço natural.

Ao longe vislumbra-se o serpentear sinuoso do Cávado por entre as pontes do Rio Caldo onde se encontra com o Homem para uma viagem que só termina no Oceano. Sente-se a terra húmida no olfacto que ganha intensidade cada vez que subimos em direcção á montanha. Terra fértil e de sonhos que permanece no seu estado primitivo e saudável imune ao passar dos tempos.

São quilómetros e quilómetros a perder de vista, atravessados pelo verde da paisagem com a natureza no seu estado mais puro.

Gosta de ver os homens da terra sentados á porta do café, que falam entre si numa amena cavaqueira enquanto crianças brincam numa ciranda.

Observava-a havia já largos minutos e no entanto, dela nem um movimento por mais pequeno que fosse.

Apenas a leve respiração em seu peito era sentido a espaços. Coisa pouca.

De certo pensava ainda no cenário que acabara de presenciar: Um tiro furtivo atravessou o ar quase dando para sentir tão perto passou dela. Porém atingira mortalmente aquele potro de garrano que lhe tinha pedido todas as atenções dos últimos dias. Desde que nascera que diariamente subia até à montanha para observar todos os seus movimentos que depois registava religiosamente no seu bloco de notas.

Queria ser escritora para o público juvenil e estes acontecimentos podiam ajudá-la no futuro. Experimentava naquela serra momentos que na Bracara cidade que a adoptou desde os seis anos não lhe conseguia oferecer por mais que procurasse.

Deixou para trás a sua aldeia natal nas faldas do Gerês a mesma que hoje amiúde visitava para recarregar baterias e afastar tristezas que tantas vezes experimentava (mais do que ela desejava, por certo). Por aqueles dias deixou Braga e todo o seu barulho para trás.

Tinha prometido a si mesma a aos seus amigos que voltaria para Braga com uma boa história para escrever e que serviria de enredo para o seu primeiro livro. Não queria, por isso, defraudar as expectativas…

Aquele tiro, porém, tinha-lhe minado por instantes não só as boas ideias mas também o seu olhar. Naqueles momentos embrulhados em silêncio, certamente que pensou que mais uns centímetros e estaria morta. Nunca sentira a morte tão próxima. Chegou a provar e não gostou por certo do travo amargo que trás aquela senhora. Ainda era cedo para prestar contas pelo que melhor era colocar aquela cabeça a pensar. A mesma que está sempre cheia de boas intenções e de ideias para dar e vender. Como colaborar para tornar este mundo um sítio melhor para se viver, mormente os tiros furtivos que nos podem roubar todos os sonhos.

Ideias inocentes com vontade de vencer e recalcadas de virtudes. Sem ódios, malícias ou cobardias. Ela era um género já em extinção.

Resumia o Mundo á rua do seu bairro e por mais que tentassem demovê-la nunca abdicava de estender a sua mão àquele que mais precisava. Por isso mesmo, um género já em extinção, sim senhor!!!

Já experimentara muitos amargos de boca por querer ser um pouco a Madre Teresa lá do bairro. Risos de gozo e olhares de soslaio, dedos apontados como se fosse ela uma eterna pecadora como se fosse ela a culpada de querer endireitar a sociedade. Parece que vivem melhor se viverem no meio da tristeza e da mentira ou da dor. Se podermos evitar isso, tanto melhor.

Mas é deste género de pessoas que o mundo precisa para deixar de haver tiros furtivos, que consiga com a suas palavras encontrar crianças de esperança e seja ela mesma fada-madrinha daqueles e daquelas que acreditam, tal como ela, que um dia o mundo ainda vai ser um lugar bonito para viver. Se cada um começasse pela rua do bairro onde vive…

Finalmente, olha para o pulso. São horas de partir.É preciso descer á aldeia antes que caia a noite e certamente os primeiros pingos de chuva. Vai encontrar uma decoração granítica que dá lugar de quando em vez ao pinho dos soalhos e ao verde das árvores de fruto, reflexo da sobriedade natural do conjunto arquitectónico que os homens da aldeia souberam construir. As lareiras acesas nos lares tornam o ambiente ainda mais propicio ao recolhimento e a sua vontade há-de ser a de ficar ali, junto dos seus a ouvir histórias enquanto a noite cai, em amena conversa. Há-de ter muito que ouvir e contar. É assim na aldeia e é assim que um dia vai escrever para as suas crianças. Não fosse aquele tiro e o dia teria sido perfeito.

Mesmo que de tiros tenha de falar e escrever, nunca há-de esquecer este conforto, estes ares que dão saúde e fazem sorrir, as paisagens que lhe acalmam a alma e lhe prrometem que melhores dias virão...

 

Conto publicado a 8 de agosto de 2009 no jornal "correio do minho" sob o título "A Idade da Sabedoria"    

publicado por carlitos às 01:33

 

NEXUS

Curso de  Primeiros Socorros

 

Como referi no post que abriu este blog no ano de 2012, o ano começou bem com uma acção de formação profissional, ministrada pela Nexus, em Braga e cuja temática ou o Módulo era os "Primeiros Socorros".

Até este momento tenho 5 desses cursos com cargas de horário diferentes mas posso referir sem qualquer peso de consciência que a par do de técnico de informatica, este apesar de ainda não o ter colocado em prática  - e que Deus me guie e ajude quando for necessário essa prática primeira que eu prometo lembrar-me-ei do que a enfermeira Ana não se fartava de referir para jamais nos esquecermos. este é sem dúvida o que mais útil será em termos civis, de ajuda ao próximo, que até posso ser eu...

 

 

Segundo dados do INE, apesar e todas as prevenções, continuam a subir os índices de sinistralidade rodoviária, os acidentes domésticos, que os podemos incluir em casos a ser tratados como primeiros socorros, acidentes que acontecem e a todo o momento estamos expostos a inúmeras situações de risco que poderiam ser evitadas se, no momento do acidente, a primeira pessoa a ter contacto com o paciente soubesse proceder correctamente na aplicação dos primeiros socorros.
Muitas vezes esse socorro é decisivo para o futuro e a sobrevivência da vítima.

E mais, sem ser necessário ter como fonte o INE: Somos dos países que neste caso concreto de formação para primeiros socorros para não fugir á regra, estamos nas posições mais baixas do ranking, europeu.

Por isso convém apostar ou continuar a apostar neste tipo de formação, virada para a face cívica e auxiliadora de primeiros socorros.

Nesse contexto, revela-se fundamental uma oferta profissional específica, de molde a aumentar as competências e dotar ao mesmo tempo de boas condições cognitivas aspessoas que pretendam exercer essas Acções de formação Profissional.

Neste caso, parabéns á NEXUS por ter potenciado este tipo de curso

A grande maioria dos acidentes poderia ser evitada, porém, quando eles ocorrem, alguns conhecimentos simples podem diminuir o sofrimento, evitar complicações futuras e até mesmo salvar vidas.

O fundamental é saber que, em situações de emergência, deve se manter a calma e ter em mente que a prestação de primeiros socorros não exclui a importância de um médico. Além disso, certifique-se de que há condições seguras o bastante para a prestação do socorro sem riscos para o socorrista e vitíma. Não se esqueça que um atendimento de emergência mal feito pode comprometer ainda mais a saúde da vítima

 

Devíamos e devemos saber os fundamentos dos primeiros socorros; acidentes de pele, de esqueleto, acidentes do aparelho digestivo do circulatório e respiratório, , saber fazer a manobra de Heimlich e outros tipos de acidentes

 

OS PRINCÍPIOS BÁSICOS DO ATENDIMENTO DE EMERGÊNCIA

 > Rapidez e Segurança no Atendimento
 > Reconhecimento das Lesões
 > Reparação das Lesões

  > Nunca abandonar o sinistrado

 

 RECOMENDAÇÕES AOS SOCORRISTAS

Colocar o acidentado em segurança, nunca o abandonando

Procurar sempre conhecer a história do acidente.
Pedir ou mandar pedir um resgate especializado enquanto realiza os procedimentos básicos.
Sinalizar e isolar o local do acidente.
Durante o atendimento utilize, de preferência, luvas e calçados impermeáveis.

 

O SUPORTE BÁSICO DA VIDA

> O Controle das Vias Aéreas
> O Controle da Ventilação
> A Restauração da Circulação


Em algumas situações as vias aéreas podem ficar obstruídas por sangue, vómitos, corpos estranhos (pedaços de dente, próteses dentárias, terra) ou pela queda da língua para trás, como acontece nos casos de convulsões e inconsciência.
Em crianças sãos comuns obstruções por balas, contas e moedas.

 

Estes alguns dos parâmetros aprendidos neste módulo de 1º socorros ministrados pela Nexus, Braga e sob orientação da Enfermeira Ana Oliveira, a quem, julgo em nome de todos, deve-se agradecer toda a sua competência, disponibilidade simpatia vontade em ensinar e desejo em que não ficassem dúvidas para trás.

Bastante profissional acima de tudo com uma linguagem acessível a todos, mormente por haver muitos conceitos cuja nomenclatura é quase impossível de pronunciar. Não será o caso de flictenas, mas de pilocarpoftalmina . Apesar de nada ter  com os 1º socorros.

Das melhores formadoras que tive em cursos deste nível

Por ela passou todo o êxito do curso que contou com a participação activa de todos os seus formandos sinais que realmente a matéria era do interesse total e verdade seja dita: Esta temática 1º socorros para além de pedir muita atenção e calma no terreno, requer conhecimento sobre o Suporte Básico de vida, saber ler alguns sinais que a vítima possa apresentar, calma mesmo sabendo que pode estar a vida de uma pessoa nas nossas mãos.

Vi ao longo deste mês, que foi o tempo que durou a Formação – carga horária de 50 horas, ás 2, 4 e 5 feiras, vontade em aprender e sinal disso foi a assiduidade quase a 100% dos formandos, a atenção dada ás palavras da Formadora, as questões – muitas relacionadas com actos que surgem no nosso dia a dia – que constantemente foram aparecendo, a participação sem ser necessário um segundo pedido para participar em exercícios práticos o ambiente saudável – fora o ar condicionado… - característico de amizade parcerias e cumplicidades entre sorrisos tirar de dúvidas, assuntos que podiam desaguar na temática central do Curso. De tudo isto se vai sentir falta.

Mas é assim que sempre acontece nestes cursos quando tudo corre como previsto e quando a turma é formada por pessoas 5 estrelas, bom carácter, adultas em todo o conceito da palavra e que pelo perfil apresentado serão cidadãos exemplares, bons pais e mães de família e para os solteiros e solteiras tudo bons rapazes e boas raparigas.

 

Falar – ou escrever – sobre todos julgo seria um pouco digamos “cansativo” não porque não o mereçam, antes pelo contrário, mas prometo tratar do assunto perfil individual, mais tarde num outro post.

Apenas basta referir que se empenharam sempre em trabalhar no exercício prático dos simulacros, sempre empenhados no desempenho das suas funções no caso de ser 1º a socorrer uma vítima.

Turma que nunca, mas nunca deixou de estar motivada, demonstrando sempre uma elevada motivação para a aprendizagem e quero garantir que apesar de ainda faltarem algumas aulas neste momento cada um já tem um perfil muito próximo daquilo que deve ser um socorrista, com demonstração evidente e competências adquiridas. Nota-se que nunca estiveram distraídos ou a pensar noutros mundos. De louvar

Em paralelo com as suas facetas profissionais contar no seu CV com mais esta valência adquirida, podem acreditar que é honroso e digno de uma pessoa que está pronta a ajudar o próximo a precisar de ajuda.

Por agora em resumo referir que havia alegria naquelas quatro paredes, muito por culpa do espirituoso Sr. Árbitro, António – o verdadeiro -  ou a versão feminina na pessoa de Teresa Baía.

Dois exemplos concretos e dignos de referência pela alegria, jovialidade que emprestavam por momentos àquela sala. Assim se desanuviava, se respirava fundo pela piada, nos julgávamos vivos e reconhecidamente com sorte por ali estarmos.

Nunca foi necessário para quebrar o gelo pois sempre nos sentimos á vontade, jamais julgamos aborrecidos os assuntos, antes pelo contrário, creio que cada aula era sempre mais importante que a anterior, com novos conhecimentos, novas técnicas, por isso faltar era de evitar.

Acredito que muita gente procura este tipo de formação pós laboral, para adquirir mais competências, enriquecimento de CV ou fugir a mais um dia que foi jornada de stress.

Neste caso, acredito que se foi este último item que levou o pessoal – algum - até este curso, conseguiu de certeza estar mais cool e calmo, pois jamais nos sentimos, fatigados pelo trabalho desse dia, ou algo parecido.

É claro que dois factores são vitais para que isso aconteça: Turma muito unida e sem “desordeiros” e o resto fica da responsabilidade da Formadora – neste caso, porque se tratava de uma “lady” que controlou – ou melhor, nunca foi preciso pois estivemos sempre “controlados” pois notava-se um grupo de homens e mulheres com vontade em aprender uma carga de matéria que até podia ser a diferença entre a vida e a morte, apenas uns risos que se prolongavam um pouco mais por alguma piada do António…  sempre sem ser necessária qualquer tipo de manobra de diversão. Pois ganhou desde a primeira hora, a nossa simpatia e promessa de que seríamos todos bons rapazes – e raparigas –

Assim e porque nem tudo vai ficar escrito neste post pois brevemente voltarei ao assunto, possivelmente ainda esta semana depois de terminar a última aula, na quinta-feira, para enviar um abraço de saudade a todos, de momento só quero deixar aqui o nome daqueles que neste mês me deram mais razões para ser cada vez melhor,  um bom  rapaz e cidadão, amar a vida e criar e voltar a criar laços de Amizade.

Um valor que tal como a água, outra matéria preciosa, vai escasseando nos dias que correm.

Assim, um brinde a ela, á turma a começar na Emília, Carlos, Filomena, Filipa, o verdadeiro António, Elisabete, Helena, Teresa, Manuela, Margarida, Rui, Teresa Silva, Susana, Ricardo, Conceição, Joana, Nair, Madalena e Sérgio e finalmente á Formadora, Enfermeira Ana Isabel Oliveira.

Obrigado pela sua disponibilidade, profissionalismo evidente, pela calma que acredito fará da Ana uma boa profissional, junto com um carácter muito forte vincado na simpatia no timbre de voz que muitas vezes é por si só capaz de dissuadir quem tenha más intenções.

Mas isso só se aprende com boa educação, desde a base. E isso nota-se.

De resto para todos se não nos vermos pessoalmente por um dia destes há sempre os telemóveis, os emails para que jamais ninguém fique sozinho.

A Formação teve lugar nas instalações da Nexus, em Braga, na Av 31 de Janeiro e a terminar deixar uma palavra de apreço e de agradecimento pela atenção prestada pelo pessoal que todas as noites se encontrava disponível e pronta sempre a ajudar sempre simpáticos a fazer jus quer á NEXUS quer no nosso caso, á calma e profissionalismo patente no Curso.

Até um dia destes que contará com o perfil de equipa completa. Obrigado

 

publicado por carlitos às 01:09

Sexta-feira, 27 de Janeiro, 2012

As saudades que eu já tinha.. do meu alegre blog tão modesto quanto eu...

É com esta versão do êxito de Milu e dos Xutos que me reencontro convosco, depois de como referi na altura ter aproveitado o mês de dezembro para procurar dados concretos e sinais que me vão ser úteis para o livro que eu ainda gostava de escrever um dia destes, como também já vos segredei em tempos.
E para isso a ida até ao terreno era necessária, mormente ao gerês, para mais e melhor recolha de informação, mas porque assim também aproveitei alguns dados no terreno, da flora e da fauna para os colocar em formato artigo jornalistico, neste momento que trabalho como jornalista freelancer, vem sempre em meu favor.

Neste caso mais vale ter trabalho empilhado do que um deserto árido de ideias.

E se há sítio que proporciona boas ideias é aquele punhado de terra revestido pelo que de mais belo há em Portugal na fauna e flora e que não poucas vezes julgamos estar mais longe e sempre esteve aqui ao lado...

Só não sabe o que perde quem realmente não conhece o local e arredores.
Depois apareceu uma gripe que me obrigou a regressar a Braga mais cedo e a adiar para a primavera o resto da viagem áquele sítio sagrado e que porque traz "recuerdos", saudades, sorrisos e alguma mágoa daquele tempo de mocidade que foi e não volta mais merece o meu destaque no livro.

 

Por isso, meus amigos aproveitem ao máximo as vossas oportunidades para serem felizes, pois como já diz o outro esta vida são dois dias e um é... para acordar.

Assim nesse dia a que se resume a nossa vida se possível que o último suspiro de vida antes de expirar para todo o sempre signifique o orgasmo que teve para cada um a sua vida e que tenha sido uma equaçãofácil de resolver: Amor+Amor- Vida Plena 

 

É um regresso com surpresas e que começou da melhor maneira com uma ação de formação, ministrada pela NEXUS, em Braga, sob nome "primeiros socorros", onde tratarei do perfil dos restantes colegas de curso e formadora, objectivos e parâmetros.

Assim, em linhas muito gerais:

Consiste em como devemos atuar quando ocorre um acidente laboral com um trabalhador, um acidente rodoviário ou doméstico, uma queda, fratura, mau estar...

Os primeiros socorros constituem-se no primeiro atendimento prestado à vítima em situações de acidentes ou infortúnios, por um socorrista, no local do acidente. Tratar da sua segurança, ver os sinais vitais...

A função importante do socorrista é a de manter a vítima viva até a chegada do socorro adequado - 112 - , bem como não ocasionar outras lesões ou agravar as já existentes.

A nível de cursos considero, entre os que já fiz, o mais importante em termos sociais e de caráter voluntário, destemido e sangue frio suficiente para se deparar com situações que podem "mexer" connosco facilmente.

Por isso é um curso e tudo que o envolve que tem de ser tratado com pinças.

Aliás se não é possivel para o leitor realizar um idêntico, na net, com tanta informação disponível pode pelo menos aprender em ajudar e não agravar a situação...


Mas disto falar-vos-ei, ou antes vou-lhes escrever daqui a poucos dias.
Até lá obrigado por continuar desse lado.
Só para terem uma ideia desta fidelidade, mesmo sabendo que este blog apenas por estas alturas voltaria a ter artigos novos, neste hiato de tempo tive cerca de 2000 visitas.

Por isso é que continuo a referir que somos uma dupla imbatível.
CAR

tags:
publicado por carlitos às 23:47

Sábado, 03 de Dezembro, 2011

Estimado e amigo leitor:

Por motivos profissionais, e mau grado todo o prazer que tenho em estar sempre convosco através deste blog que mais não é a forma de estar na vossa agradável companhia, de vos escrever sobre a atualidade, sobre o que me vai na alma, desabafos e fatos vou ter que me ausentar uns dias - poucos.

No fundo é o agradecimento de visitarem este vosso espaço de comunicação e por isso, pela estima e carinho que me merecem, venho referir que durante a próxima semana é possível que não possa escrever tanto quanto desejaria mas prometo-vos que depois deste hiato de tempo estarei de volta para fazer parte do vosso dia a dia.

 

Em resumo, tal como vou fazer depois de terminada a minha ausência podemos referir desportivamente a derrota do SCB com o FC Porto antes da importante vitória conseguida a meio da semana para a Liga Europa, contra o Birmingham, triunfo que para lá dos euros e dos 3 pontos siginificaram a passagem aos 16/avos de final, faltando apenas saber o escalonamento final e para isso o SC Braga para além de ter umas contas a ajustar com os belgas tem de ir a Brugge para vencer, para conseguir ao mesmo tempo o 1º lugar e evitar os clubes que "caem" da C. League - como aconteceu a época passada com o SCBraga, cuja presença durou até à final de Dublin - 

Ainda desportivamente tratando, ontem o sorteio foi um pouco madrasto e até parece que já adivinhavamos, tendo errado apenas no 3º adversário, acreditavamos nos gauleses a saiu em sorte - ou azar - a Dinamarca.

Depois na atualidade ficamos a saber da possibilidade do estripador de Lisboa ter sido finalmente descoberto (?) depois de uma época em que espalhou o terror e medo na capital durante os anos 90.

O seu perfil apenas era conhecido das séries norte americanas que marcam os traços de um psicopata.

Esta é em resumo a notícia mais triste pois as outras duas que reservamos para si são alegres tiveram final feliz e enchem de orgulho o facto de sermos portugueses:

1º a atribuição do FADO como Património Imaterial da Humanidade e a segunda é a mais comovente que felizmente e a contradizer o que por norma acontece, terminou em bem e que foi a "odisseia" que os 6 pobres pescadores do barco "Virgem do Sameiro" passaram durante 60 horas á deriva a algumas milhas da Figueira da Foz, mas sempre com a esperança a morar em seus corações.

Mesmo quando não foram avistados por cargueiros que passavam perto da balsa que serviu de refúgio e de salvamento durante esse periodo em que andaram ao sabor das marés e ondas provocadas pelo mau tempo em mar antes de ser avistados ontem por volta das 11 horas da manhã por um helicoptero da FA.

Caxinas, comunidade piscatória de Vila do Conde que está mais habituada a choro e pranto sempre que um barco desaparece das suas vidas, ontem recebeu com abraços, beijos e lágrimas de alegria aqueles 6 heróis que mostraram a raça, a perserverança de ser português.

Toda a sorte do mundo é o nosso desejo.

Foi mais do que uma prenda antes do Natal, um milagre.

Por isso por maior que seja o seu desespero ou medo, acredite que amanhã pode ser bem melhor.

Ainda há gente que nos faz acreditar nisso... CAR

publicado por carlitos às 11:44

Custódio levanta-se a tempo de ser útil
TRINCO PRONTO PARA RENDER DJAMAL
   
Boa nova no primeiro treino de dezembro do Sp. Braga, com Custódio a surgir finalmente a trabalhar sem qualquer tipo de condicionalismos.

O trinco está assim pronto para voltar a ser opção de Leonardo Jardim, mas o seu regresso efetivo à competição só deve acontecer em janeiro, altura em que Djamal vai ausentar-se para servir a seleção da Líbia na fase final da CAN.

Trata-se, pois, de uma recuperação programada ao milímetro, pois é essencial que Custódio volte ao seu melhor numa fase em que a equipa estará órfã da sua referência na posição 6 desde o início da época.
RECORD
Salino aprovado a lateral

Dono e senhor da posição de lateral-direito desde o começo da temporada, Baiano lesionou-se na primeira parte do jogo com o Benfica (décima jornada) e fez soar o alarme. Era preciso alguém para render o brasileiro e, face à ausência de Rodrigo Galo do banco, Leonardo Jardim apostou em Leandro Salino, que tem sido um bombeiro ao serviço dos treinadores quando é necessário. Foi assim na época passada, com Domingos, quando Paulo César foi expulso na segunda mão dos quartos-de-final da Liga Europa, com o Dínamo de Kiev, e novamente agora. A experiência do brasileiro no lugar é pouca, apesar de esporadicamente o ter ocupado quando representou o Ipatinga e o Nacional, mas não se tem dado nada mal. Toni, que se formou e jogou durante toda a carreira como defesa-direito, acredita mesmo que o desempenho de Salino tem sido "positivo" [ver peça à parte].

Apesar de ter entrado na equipa numa fase conturbada em matéria de resultados - nos últimos quatro jogos o Braga só venceu um (Birmingham), empatou outro (Benfica) e perdeu dois (Sporting e FC Porto) -, Salino tem passado ao lado das críticas - teve uma média 5,7 pontos para o O JOGO, numa escala de 0 a 10. Ofensivamente tem desequilibrado, como provam as grandes penalidades ganhas frente a águias e dragões, e defensivamente tem-se esforçado por fazer esquecer Baiano, mesmo defrontando adversários como Gaitán, Capel ou James.

Ora, tendo em conta que Rodrigo Galo é praticamente uma carta fora do baralho de Leonardo Jardim para lateral-direito, dificilmente alguém roubará o lugar a Leandro Salino. Mesmo preferindo jogar no meio-campo, onde nitidamente rende mais, o brasileiro irá desempenhar essas funções, pelo menos, até à reabertura do mercado de transferências, período no qual os responsáveis do Braga tentarão encontrar uma solução natural, como é desejo do treinador.


"Aposta de Leonardo Jardim com o Benfica acaba por ser bastante feliz"

1

Como avalia o desempenho de Leandro Salino como lateral-direito?

Positivo. Nunca pensei que, face à necessidade urgente da equipa em arranjar um lateral-direito, fosse adaptar-se tão rapidamente, mas a verdade é que tem jogado com grande à-vontade. Notam-se algumas dificuldades do ponto de vista defensivo, mas são naturais para quem não está habituado a jogar na posição e, com o tempo, acredito que esses problemas serão corrigidos. Por isso, a aposta de Leonardo Jardim no jogo com o Benfica acaba por ser bastante feliz, até porque o Salino é um jogador que joga bem de trás para a frente, é rápido, ataca bem e não é facilmente ultrapassado no um para um.

2

Considera que Rodrigo Galo tinha capacidade para jogar nessa posição?

A julgar pelo que se falou no defeso, penso que foi para a posição de lateral-direito que o Rodrigo Galo foi contratado, embora, pelo que acompanhei na última época, seja um jogador com capacidade para fazer três ou quatro posições: lateral, médio e extremo-direito, bem como extremo-esquerdo. Por isso, não se será correcto defini-lo como um lateral puro, até porque foi como médio-ala que vi o jogar mais vezes no Gil Vicente. Agora, se foi contratado como lateral-direito, seria lógico que fosse opção para o lugar. Mas só o treinador sabe o que acontece diariamente.

3

Face às exibições de Salino e à existência de Rodrigo Galo, é necessário contratar mais um defesa-direito na reabertura do mercado?

Partindo do princípio que o Baiano vai estar recuperado dentro de dois ou três meses, a situação estará relativamente controlada. Contudo, como o Galo não está a ter grandes oportunidades, o que leva a crer que o seu espaço seja um pouco reduzido, é normal que o clube queira outro lateral, até para acautelar o futuro, pois nunca se sabe se o Baiano não tem uma recaída. Ainda por cima, não se pode esquecer que o Salino é uma adaptação e faz falta noutras posições do terreno, nomeadamente no meio-campo, que é onde gosta mais de jogar.


Custódio é prenda de Natal antecipada

O Pai Natal chegou mais cedo a Braga e ofereceu a Leonardo Jardim uma prenda há muito desejada pelo treinador. Custódio está de regresso ao trabalho (aparentemente) sem limitações e, se conseguir melhorar a condição física até quinta-feira, poderá estrear-se nas convocatórias do técnico madeirense para o encontro com o Paços de Ferreira, agendado para sexta-feira. Para trás fica um mês e meio de recuperação a um estiramento no joelho direito sofrido no jogo-treino com o Trofense, que se seguiu a uma paragem de sensivelmente três meses e meio devido a uma lesão semelhante, sofrida no estágio de pré-temporada, embora no joelho contrário.

A abertura dos portas do treino desembrulhou a recuperação de Custódio, que aumentou para 21 o número de jogadores disponíveis no plantel. O médio-defensivo até participou na peladinha e não teve medo nenhum de meter o pé, tendo mesmo sido um dos protagonistas do lance mais aparatoso do treino, chocando com Hugo Viana. 


Martírio de Carlão teve um ponto final

As boas notícias parecem chegar aos pares em Braga. Além de Custódio, Leonardo Jardim recebeu ontem outro importante reforço, neste caso para o sector atacante. Carlão, que passou o último mês no departamento médico a tratar problemas de ordem muscular, surgiu a trabalhar em pleno e já poderá ser opção para o encontro da próxima jornada, com o Paços de Ferreira. Até ser obrigado a parar - depois da deslocação a Maribor -, o brasileiro contabilizava um golo marcado (ao 1º Dezembro) em seis aparições. 


Jardim dispensa Meyong por assuntos pessoais

O regresso do Braga aos treinos após um dia de folga aconteceu sem a presença de Meyong. O avançado camaronês, que tem tido uma utilização esporádica esta época, foi dispensado por Leonardo Jardim para tratar de assuntos de ordem pessoal, mas hoje já deverá trabalhar. 


Trio acelera recuperação

A presença de Zé Luís, Nuno André Coelho e Ukra no relvado começa a ser frequente, sinal de que o regresso está para breve. O trio está a recuperar bem das respectivas lesões e ontem limitaram-se a trabalhar à parte com o fisioterapeuta Francisco Miranda, embora os últimos dois tenham aproveitado a proximidade da bola para matar saudades. 
O JOGO
Elderson disponível para o Paços

Elderson também foi outra das atracções do treino de ontem. Contrariando as piores expectativas, o lateral-esquerdo surgiu nos relvados anexos ao Estádio AXA em perfeitas condições físicas, ele que não concluíra o duelo da Liga Europa, com o Birmingham, devido a um traumatismo num pé.

Totalmente recuperado da pancada sofrida na jornada 5 da fase de grupos da Liga Europa e com o francês Imorou à margem do plantel (recupera de uma rotura muscular), o internacional nigeriano assume-se novamente como principal candidato a fechar o corredor esquerdo da formação arsenalista em jogos do Campeonato, depois de ter falhado a deslocação ao Estádio do Dragão, na última ronda, devido a castigo.

A BOLA
publicado por carlitos às 11:38

Domingo, 27 de Novembro, 2011
NOTÍCIAS DO ENORME DO DIA 27/11 Fran Mérida pode ser novidade no onze bracarense. Capacidade técnica e virtuosismo do esquerdino são factores de desequilíbrio Só disputou um desafio a titular, com o UD Leiria. Destila irreverência e revela na sua personalidade traços de um inconformismo próprio dos espanhóis. Formou-se no Barcelona, explodiu no Arsenal, é jogador do Atlético de Madrid e internacional sub-21, mas diz quem o conhece que Fran Mérida não é o tipo de pessoa capaz de se colocar num pedestal a discursar sobre as virtudes da sua carreira. A Bola Lutar pelos pontos no Dragão Carlos Costinha Sousa Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo desta tarde, frente ao FC Porto, o treinador do Sporting Clube de Braga, Leonardo Jardim, considerou que defrontar os dragões numa altura em que têm o “orgulho ferido” não é relevante, porque a equipa não perdeu qualidade. “O FC Porto não alterou a sua qualidade pelos resultados dos últimos jogos, mantém a mesma estrutura do ano passado e por isso não é de bom tom estarmos a falar de um FC Porto forte ou mais fraco. É uma equipa que continua forte e nós, com respeito e ambição, vamos discutir o resultado para conquistar pontos”, começou por afirmar o técnico arsenalista, acrescentando que qualquer equipa varia de jogo para jogo: “os jogos não são iguais, é normal que o jogo frente à Académica ou Shaktar não fosse o mesmo, mas não podemos trabalhar à espera de encontrar um FC Porto forte ou fraco, temos de trabalhar tendo em conta a estrutura. Vamos abordar o jogo de forma a neutralizar as virtudes do adversário e potencializar o que nós temos de bom. Será um jogo muito competitivo em que as duas equipas têm ambição de vencer”. Os treinadores das duas equipas já se defrontaram por quatro vezes e, nesses jogos, a vantagem vai para Vítor Pereira que tem o maior número de vitórias. Para Jardim, esta situação não é importante até porque considera que apesar de ter defrontado o técnico dos dragões e não ter tido os melhores resultados, a nível de rendimento desportivo ficou sempre melhor. “É verdade que joguei quatro vezes contra o Vítor, na II divisão B, com o Camacha frente ao Sp. Espinho e com o Beira-Mar (onde empatei das duas vezes). Em termos de rendimento desportivo ganhei sempre porque fiquei sempre à frente dele, mas isso é pouco importante”. comentou o treinador. Esta é uma semana complicada para o Sp. Braga que defronta hoje o FC Porto e, na próxima qu arta-feira, defronta o Birmingham para a Liga Europa. Apesar de tudo Leonardo Jardim considera que a nível do campeonato ainda nada é decisivo, apesar de que a nível da Europa, uma vitória é muito importante. “Em relação ao objectivo para o a campeonato este só vai ficar definido, seguramente, no último terço, se não mesmo nos últimos jogos. Em relação à Liga Europa, é importante conseguir uma vitória que traduza de imediato a passagem de fase”, disse. Vinicius regressa aos eleitos de Jardim O treinador do Sporting Clube de Braga, Leonardo Jardim, não mexeu muito na convocatória para o jogo desta tarde, frente ao FC Porto, quando comparada com a lista de jogadores chamados para o último jogo oficial dos bracarenses, a derrota com o Sporting, por 2-0, a contar para a Taça de Portugal. Aliás, apenas por obrigação é que o técnico arsenalista faz uma única alteração na lista de jogadores convocados, com a saída do lateral esquerdo nigeriano Elderson, que cumpre castigo depois da expulsão no jogo contra os leões, para entrar o médio Vinicius, recuperado da lesão que o atingiu e que fez com que perdesse a chamada para Alvalade. O brasileiro recuperou completamente e está apto para fazer parte das contas do treinador madeirense, assumindo o lugar deixado vago pelo seu companheiro. Assim, a lista dos 19 atletas convocados para a deslocação desta tarde ao Estádio do Dragão é composta pelos seguintes elementos: Guarda-redes: Quim e Berni Defesas: Rodrigo Galo, Ewerton, Douglão, Paulo Vinícius Médios: Djamal, Vinícius, Salino, Mossoró, Hugo Viana e Mérida Avançados: Alan, Lima, Nuno Gomes, Hélder Barbosa, Rivera, Paulo César e Meyong A partida que se desenrola no Estádio do Dragão, tem o seu início marcado para as 18.15 horas e conta com a arbitragem do portuense Artur Soares Dias. Correio do Minho Sporting de Braga vai ao Dragão discutir o jogo O treinador do Sporting de Braga quer um Braga igual a si próprio no jogo de hoje, frente ao FC Porto, e sempre determinado a discutir o jogo. «Queremos estar bem como estivemos frente ao Benfica e Sporting, mas com melhor resultado, porque está na hora de vencer». Diario do Minho Dez jogadores utilizados na retaguarda UM SECTOR QUE BRILHA Jardim deve experimentar hoje, no Dragão, uma defesa nova. Mas apenas para quem não acompanha os treinos do Sp. Braga, que esta semana decorreram sempre com a porta fechada (“Não estamos a esconder nada porque no futebol tudo se sabe”, acentuou o treinador). Com Baiano a curar uma lesão de longa duração, Jardim deverá preferir de novo o médio Salino para o corredor direito. Record FC Porto-Braga: após o derby, o quase-clássico (antevisão) No Estádio do Dragão, a formação de Vítor Pereira vai tentar capitalizar a confiança de Donetsk. Será que uma vitória nos últimos quatro jogos chega para virar o momento de uma equipa? Por Sérgio Pereira MOMENTO: F.C. Porto: Uma vitória em Donetsk virou do avesso a confiança portista: o F.C. Porto está agora com o apuramento na Liga dos Campeões à distância de uma triunfo em casa, pelo que o nervosismo enorme que se seguiu à derrota pesada em Coimbra foi amenizado. Em semana de derby, de resto, a recepção ao F.C. Porto assume capital importância para os dragões, que podem ganhar pontos a um adversário (ou aos dois). Sp. Braga: Defronta o último dos três grandes em jogos seguidos: já empatou com o Benfica e perdeu em Alvalade, deixando até boa imagem. Por isso vai passando deste triplo teste sem se queimar. Pela frente encontra um adversário que respira melhor, mas sabendo que nos últimos quatro jogos o F.C. Porto só ganhou um. Já agora, das duas últimas vezes que ganhou no Porto despediu o treinador: primeiro Octávio e depois Fernández. AUSÊNCIAS: F.C. Porto: Guarín, Mangala, Iturbe, Alex Sandro e Emídio Rafael, todos por lesão. Sp. Braga: Elderson, por castigo, Imourou, Baiano, Nuno André Coelho, Custódio, Zé Luís, Ukra e Carlão, todos por lesão. DISCURSO DIRECTO: Vítor Pereira: «Sentimos que a massa associativa está connosco. Queremos um grande ambiente, um grande jogo e uma grande vitória. A equipa está bem, mais confiante e concentrada. Esperamos um Braga competitivo, de qualidade, bem orientado, que nos últimos anos se afirmou no futebol português.» Leonardo Jardim: «A nossa abordagem não depende do momento do Porto, se está mais ou menos forte ou se fez um jogo mais ou menos conseguido. Vamos querer neutralizar o adversário e potenciar as características da equipa tentando controlar o jogo desde o início. Vamos ter ambição e querer discutir o resultado.» HISTÓRICO: O saldo das recepções do F.C. Porto ao Sp. Braga é claramente favorável aos dragões: em 68 jogos ganharam 57, empataram sete e perderam quatro. A última derrota em casa já data de 2005, aliás. No entanto, há outra curiosidade: duas das vitórias do Braga no Porto despediram o treinador: Octávio Machado e Victor Fernández saíram após derrotas com o mesmo adversário. EQUIPAS PROVÁVEIS: F.C. Porto: Helton; Maicon, Rolando, Otamendi e Álvaro Pereira; Fernando, Defour e João Moutinho; Djalma, Hulk e James. Outros convocados: Bracali, Fucile, Souza, Belluschi, Cristian Rodriguez, Varela e Kléber. Sp. Braga: Quim; Salino, Ewerthon, Douglão e Paulo Vinicius; Djamal e Hugo Viana; Alan, Mossoró e Hélder Barbosa; Lima. Suplentes: Berni, Rodrigo Galo, Vinícius, Mérida, Nuno Gomes, Rivera, Paulo César e Meyong. Maisfutebol SC Braga testa capacidade do FC Porto em recuperar liderança FC Porto, SC Braga, Liga Zon Sagres Álvaro Gonçalves Há uma semana, o FC Porto foi eliminado da Taça de Portugal, uma prova que venceu nas últimas três temporadas. Três dias depois, corria o risco de falhar mais um objectivo traçado para esta época, os oitavos-de-final da Liga dos Campeões, mas os azuis e brancos foram capazes de vencer na Ucrânia e colocaram-se numa posição confortável para alcançarem a meta traçada. Agora chegou a vez dos campeões nacionais mostrarem aquilo que se pode esperar deles no campeonato, prova em que procuram regressar aos triunfos, depois de terem empatado a zero com o Olhanense, para continuarem a partilhar a liderança com o Benfica, que venceu o Sporting por 1x0. O SC Braga, quinto classificado com menos cinco pontos que os dragões, é um bom adversário para testar as capacidades da equipa de Vítor Pereira, que está, agora, mais tranquila com a vitória conquistada em Donetsk. A última vez que os bracarenses triunfaram no Estádio do Dragão, provocaram a mudança no comando técnico dos dragões. Na temporada 2004/2005, o SC Braga, comandado por Jesualdo Ferreira, treinador que mais tarde viria a ser o único a conquistar três campeonatos consecutivos na formação portista, venceu o FC Porto de Victor Fernandez por 1x3 e o espanhol foi demitido, entrando para o seu lugar José Couceiro. Após essa vitória, os minhotos jamais conseguiram conquistar os três pontos no reduto dos azuis e brancos, onde perdem há duas épocas consecutivas, apesar dessas terem sido das melhores temporadas da história bracarense. FC Porto a uma partida de somar 50 jogos consecutivos sem perder Apenas com a vitória no pensamento, o FC Porto tem a oportunidade de somar o 50º jogo consecutivo sem perder no principal escalão do futebol português. Uma série de invencibilidade que começou a 6 de Março de 2010, quando a equipa da cidade invicta empatou a duas bolas com o Olhanense. Jesualdo Ferreira, precisamente o último técnico que venceu pelo SC Braga no Dragão, foi quem deu início aos 49 jogos já registados sem perder, tendo a continuidade de André Villas-Boas, que conquistou o último campeonato sem qualquer derrota, e, até ao momento, de Vítor Pereira, que ainda não perdeu para a Liga. As mudanças desde Dublin Há uns anos poderia ser impensável, mas a última vez que FC Porto e SC Braga se defrontaram foi em Dublin, na final da Liga Europa, naquela que foi a primeira ocasião em que duas equipas portuguesas se defrontaram no derradeiro jogo de uma competição europeia. Na altura, as duas formações tinham treinadores diferentes, mas não foi só no comando técnico que se registaram diferenças. No que diz respeito às equipas iniciais apresentadas por André Villas-Boas e Domingos Paciência na final de Dublin, são bem mais as mudanças nos bracarenses do que nos dragões. Mas vamos por partes. No FC Porto, Helton, Rolando, Otamendi, Álvaro Pereira, Fernando, João Moutinho, Hulk e Varela podem repetir a titularidade este domingo, ficando de fora Sapunaru e Guarín, ambos lesionados, e Radamel Falcao, que se transferiu para o Atlético de Madrid. No SC Braga a situação é bem diferente. Hugo Viana, Alan, Lima e Paulo César são os únicos que podem voltar a jogar de início, tal como na final da Liga Europa. Dos restantes, apenas Custódio ainda se mantém no plantel, mas está lesionado. Artur Moraes (Benfica), Miguel Garcia (Orduspor), Paulão (Saint-Étienne), Rodríguez (Sporting), Sílvio (Atlético de Madrid) e Vandinho (Al Sharjah) abandonaram os minhotos após a final europeia. Zerozero “Ganhei sempre a Vítor Pereira” Leonardo Jardim desvalorizou ontem o facto de nunca ter vencido Vítor Pereira. "Em dois campeonatos diferentes, perdi em Espinho quando estava no Camacha e na segunda volta já não o apanhei. No Beira--Mar empatei os dois jogos. Do ponto de vista do sentimento desportivo, ganhei sempre a Vítor Pereira, porque o Camacha ficou à frente do Espinho e o Beira-Mar também", disse o técnico do Sp. Braga. Na antevisão do embate de hoje diante do FC Porto, Jar-dim elogiou a "qualidade" do adversário, mas avisou que o Sp. Braga vai ao Dragão para "discutir o resultado". "O FC Porto não altera a sua quali-dade em função de um resultado positivo ou negativo, mantém a estrutura do ano passado em que ganhou quatro provas [Supertaça, Liga, Taça de Portugal e Liga Europa]", observou. Sobre a estratégia que irá utilizar diante dos dragões, frisou que passa por "abordar o jogo de forma a neutralizar o adversário e a potenciar as características da equipa, tentando controlar a partida desde o início". Adiantou ainda não acreditar num eventual cansaço do FC Porto por ter jogado na Ucrânia na última quarta-feira (2-0, diante do Shakhtar Donetsk), para a Champions, e ter chegado ao Porto apenas ao final da manhã de 5ª feira. A concluir, não se mostrou preocupado com as alterações no sector mais recuado, dado que não pode utilizar o castigado Elderson: "A nossa defesa é uma das melhores da Europa." VINICIUS REGRESSA AOS ELEITOS O regresso de Vinicius é a grande novidade na lista de convocados do Sp. Braga para a deslocação ao Dragão. O médio brasileiro volta a ser opção para o treinador dos arsenalistas, Leonardo Jardim, depois de ter falhado o jogo da Taça de Portugal frente ao Sporting (0-2), devido a lesão. Já Elderson, expulso diante dos leões, falha o jogo no Porto. De fora por lesão continuam vários jogadores: Imorou, Baiano, Nuno André Coelho, Custódio, Zé Luís, Ukra e Carlão. Convocados: Quim e Berni (guarda-redes); Galo, Ewerton, Douglão e P. Vinícius (defesas); Djamal, Vinicius, Salino, Mossoró, H. Viana e Mérida (médios); Alan, Lima, Nuno Gomes, Hélder Barbosa, Rivera, Paulo César e Meyong (avançados). Correio da Manhã Vinícius de regresso aos convocados do Braga para deslocação ao Dragão O regresso de Vinícius e a saída de Elderson são as novidades nos convocados do Sporting de Braga para a deslocação ao terreno do F.C. Porto, este domingo, em jogo da 11.ª jornada da Liga de futebol. O médio brasileiro ficou de fora do último jogo dos minhotos (derrota com o Sporting, para a Taça de Portugal) devido a uma lesão, mas recuperou completamente esta semana da maleita e está de volta aos eleitos do treinador "arsenalista", Leonardo Jardim. O defesa esquerdo Elderson viu o cartão vermelho no jogo com os "leões" e, por isso, não pode ser opção para o técnico no Dragão. Lesionados continuam Imourou, Baiano, Nuno André Coelho, Custódio, Zé Luís, Ukra e Carlão. O jogo começa às 18.15 horas de domingo, no Estádio do Dragão, no Porto, e será arbitrado por Artur Soares Dias, do Porto. JN Secretário "FC Porto é como o Real Madrid. Braga cresceu muito" MANUEL CASACA Antigo jogador do FC Porto e do Braga, Secretário passou mais anos de dragão ao peito, mas nutre um carinho especial pela equipa minhota. Foi lá que rodou durante um ano, regressando às Antas para se impor definitivamente. Antigo internacional, teve ainda uma passagem pelo Real Madrid, em 1996/97 e 1997/98. Por conhecer a realidade dos dois clubes, o antigo jogador traça as devidas comparações. "O Real Madrid é um dos melhores clubes do mundo, talvez mesmo o melhor, mas em termos de estrutura e de organização, o FC Porto não fica atrás", elogia. Secretário também conhece bem o Braga, clube que representou em 1992/93. "No meu tempo tinha excelentes condições e um excelente estádio, mas cresceu muito e rapidamente. Fico contente por ver que está a intrometer-se entre os três grandes." Se FC Porto e Braga cresceram imenso, tal deve-se, e muito, a Pinto da Costa e a António Salvador. Secretário conheceu de perto o presidente portista. "Todos têm um grande respeito por ele. Basta olhar para ele para saber se está bem-disposto ou maldisposto. Ao contrário do que podem pensar, é afável e brincalhão", destaca, continuando os elogios. "É um grande líder. Levou o FC Porto a um nível altíssimo." O antigo defesa recorda os momentos em que Pinto da Costa chegava ao balneário, sobretudo nas horas más. "Não digo que tremíamos, mas havia um respeito enorme. Quando tinha de dar o seu grito e demonstrar a sua insatisfação, já sabíamos que não ia ser fácil... É por isso que o FC Porto, nestas alturas menos boas, consegue dar a volta às situações", lembra. Com António Salvador não chegou a trabalhar em Braga, mas tem uma opinião positiva. "Está a fazer no Braga o que Pinto da Costa fez no FC Porto, numa dimensão mais baixa, mas também com menos tempo", recorda. Por quem vai torcer hoje? A resposta sai rápida e justificada. "Pelos anos que passei lá, torço pelo FC Porto. Mas não esqueço o ano que passei no Braga. Fiz uma excelente época e, inclusive, quando voltei ao FC Porto fiquei definitivamente, depois de ter andado cinco anos emprestado. Foi uma época muito importante para mim. Ficarei sempre grato ao Braga", revela. "Tinha qualidade para jogar neste FC Porto e no Braga" Fala a voz da experiência. Antigo lateral-direito do FC Porto e da Selecção Nacional, Secretário diz, em jeito de brincadeira, que "tinha qualidade mais que suficiente para jogar neste FC Porto ou no Braga". Precisava era de perder uns quilitos... Brincadeira à parte, analisa o problema na lateral-direita que afecta as duas equipas, que pode obrigar os dois treinadores a opções de recurso. Com Sapunaru a recuperar o ritmo físico ideal, depois de sofrer uma lesão, restam Fucile ou Maicon no FC Porto. "O Fucile por vezes vacila. Comete erros que não pode cometer. Para ele, parece que torna o jogo fácil de mais, mas há coisas que faz como defesa que não pode fazer", avisa. Se a aposta recair em Maicon, o FC Porto ganha na capacidade defensiva, mas perde no ataque. "Em termos ofensivos, sendo central, participa pouco no ataque. O FC Porto pode ficar um pouco coxo. Nos jogos que tem feito a lateral, neste último, contra o Shakhtar, esteve bem. Foi um jogo bem conseguido, mas nos outros não esteve tão bem", analisa. Já o Braga não pode contar com Baiano, que continua lesionado. A opção deverá recair novamente numa adaptação. "O Salino é um jogador mais ofensivo. O treinador vê qualidades nele, porque é rápido, o que pode trazer vantagens nessa posição. Mas não tem rotina de lateral e, por vezes, há situações durante o jogo em que se nota isso mesmo. Nota-se isso quando tem de fechar espaços interiores, comete muitas faltas e nota-se que não se sente confortável numa posição que não é a dele", analisa o antigo jogador do FC Porto e do Braga. "Vítor Pereira e Leonardo Jardim são líderes" Com o curso de IV Nível, Secretário faz a comparação entre os dois colegas de profissão que hoje vão estar no Dragão. "Vítor Pereira está a tentar agarrar a oportunidade que lhe foi dada. Pinto da Costa anda no futebol há muitos anos e certamente não foi por acaso que apostou nele. Foi apanhado de surpresa com a saída de André Villas-Boas, mas não faltam treinadores por esse mundo fora... Se apostou nele foi porque tem qualidades como treinador e como líder", refere, considerando que a irregularidade da equipa portista não vai prejudicar a ascensão de Vítor Pereira. "Tem tido momentos bons e outros menos bons, mas vai ganhando experiência e pode lançar-se para uma grande carreira." Igualmente positiva é a imagem que tem do treinador do Braga. "Leonardo Jardim fez excelentes trabalhos no União da Madeira, no Chaves e no Beira-Mar. No Braga também está a fazer um bom campeonato. Por algumas entrevistas que tenho lido e ouvido, nota-se que tem espírito de líder. Parece que estamos diante de um excelente treinador", destaca. "João Moutinho cada vez mais ofensivo" Quem vai decidir o jogo de hoje? Secretário não consegue destacar apenas um jogador, até porque acredita que "vai ser um jogo com golos", mas acredita que alguns jogadores podem fazer a diferença. "O FC Porto tem o Hulk, o Kléber e o Moutinho, que, apesar de jogar no meio-campo, cada vez participa mais em termos ofensivos", elogia, lembrando que a equipa de Leonardo Jardim também têm jogadores de nível. "O Braga tem o Alan, o Mossoró e o próprio Nuno Gomes, que umas vezes joga e outras fica no banco, mas tem experiência", alerta, considerando, no entanto, que "o FC Porto é o grande favorito". O Jogo Leonardo Jardim "Fiquei sempre à frente de Vítor Pereira" BRUNO FILIPE MONTEIRO Mesmo nunca tendo ganho um jogo oficial a Vítor Pereira - e já realizaram três -, Leonardo Jardim não deu especial importância ao reencontro com o treinador do FC Porto. Afinal, os confrontos directos dizem pouco ao técnico do Braga, para quem o objectivo da época é sempre mais importante. E aí até saiu a ganhar em relação ao espinhense. "Do ponto de vista desportivo, que é o que mais interessa, ganhei sempre [a Vítor Pereira], porque o Camacha ficou à frente do Espinho [em 2006/07] e o Beira-Mar foi campeão e subiu de divisão [2009/10]", recordou, ontem o madeirense, que, por muito respeito que tenha pelos campeões nacionais e vencedores da Liga Europa, quer um Braga atrevido no Dragão, um pouco à semelhança do que sucedeu com os outros grandes. "O Braga tem sempre a mesma forma de estar. Espero é que o resultado seja diferente do que tivemos com Benfica e Sporting, em que empatámos e perdemos. Está na hora de vencer", vincou. Um FC Porto idêntico ao que perdeu com a Académica certamente ajudaria o Braga a alcançar o objectivo apontado por Leonardo Jardim, mas o treinador não considera que as exibições periclitantes dos dragões sejam um sinal de fraqueza. "A qualidade do FC Porto não se altera em função de um resultado positivo ou negativo, pois a equipa mantém a estrutura do ano passado, no qual ganhou quatro das cinco provas em que participou. As únicas saídas de maior relevo foram o Falcao e o André [Villas-Boas], por isso, não é de bom tom estar a falar num FC Porto mais fraco", referiu o madeirense. Forte como uma muralha está a defesa dos bracarenses, que, como Jardim frisou, continua a ser tema de conversa por ser "uma das melhores da Europa". Um rendimento algo surpreendente, ainda por cima quando tem sido alvo de tantas mudanças. "Já jogaram dez jogadores diferentes, o que nos obrigou a fazer grandes adaptações, tal como acontecerá neste jogo. No entanto, temos trabalhado com o objectivo de encontrar uma estratégia de equilíbrio e esta semana não foi excepção", conclui. Hulk sem polícia directo Pela influência que tem no jogo do FC Porto e pela exibição realizada na quarta-feira, na Ucrânia, Hulk seria sempre um jogador a ter em conta por Leonardo Jardim. Contudo, o treinador recusou a ideia de realizar um policiamento especial ao Incrível. "Temos de ter os cuidados normais que o jogadores do FC Porto merecem, mas sem alterar o nosso padrão de jogo e a nossa forma de estar", garantiu o treinador do Braga. Vinícius agarra vaga na lista de convocados O regresso aos treinos sem limitações valeu a Vinícius a reentrada na lista de convocados de Leonardo Jardim, da qual havia feito parte pela última vez na recepção ao Benfica, que antecedeu uma paragem de duas semanas devido a uma entorse no tornozelo esquerdo. O médio, que é nesta altura a única alternativa a Djamal para a posição 6, foi um dos 19 jogadores chamados pelo treinador dos arsenalistas para o jogo com o FC Porto, no qual não estará Elderson por castigo. No entanto, o brasileiro começará o encontro no banco, o que levará a que o jovem Rivera, que entra nos eleitos de Jardim pela segunda semana consecutiva, seja excluído da ficha de jogo. Completa-se ciclo terrível O jogo com o FC Porto será o último do Braga num mês em que, por contingência do calendário e do sorteio da Taça de Portugal, teve de defrontar os denominados três "grandes". O embate contra os dragões, de resto, será a última oportunidade para os arsenalistas concluírem este ciclo terrível com uma vitória, já que empataram (1-1) com o Benfica (campeonato) e perderam (2-0) com o Sporting (taça). Um mês sem vencer fora na Liga Foi quase há um mês que o Braga venceu pela primeira, e única, vez como visitante no campeonato. O Setúbal foi a vítima dos arsenalistas, que desde então somaram dois empates (Guimarães e Académica) e uma derrota (Leiria). Treino só para limar arestas O último treino do Braga antes do embate com o FC Porto não teve novidades. O panorama clínico mantém-se e, por isso, Leonardo Jardim optou apenas por limar algumas arestas. Concentração ao final da tarde Ao contrário do que sucede quando a equipa joga a sul do rio Douro, o Braga concentrou-se somente ao final da tarde de ontem no AXA. A viagem para o Porto acontecerá apenas hoje. Birmingham empata Um golo de Zigic (87') salvou ontem o Birmingham de uma derrota em Blackpool. O próximo adversário do Braga na Liga Europa até entrou a vencer, mas depois sofreu bastante para chegar ao empate (2-2). Os blues venceram apenas um dos seus últimos cinco jogos no Championship. O Jogo "Fiquei sempre à frente de V. Pereira" O madeirense Leonardo Jardim elogiou a "qualidade" do FC Porto, mas avisou que o Sp. Braga vai ao Estádio do Dragão para discutir o resultado amanhã. "O FC Porto não altera a sua qualidade em função de um resultado positivou ou negativo, mantém a estrutura do ano passado que, em cinco provas ganhou quatro, só saíram o Falcao e o [treinador] André Villas-Boas", pelo que o FC Porto "continua forte", considerou. Apesar do "respeito" pelo líder, Leonardo Jardim quer um Braga "com ambição, a querer discutir o resultado e a conquistar pontos" no Estádio do Dragão. O técnico admitiu notar-se uma irregularidade em termos de rendimento da equipa portista nos últimos jogos, mas frisou que isso não vai influenciar a postura da sua equipa. "A nossa abordagem não depende do momento do Porto, se está mais ou menos forte ou se fez um jogo mais ou menos conseguido. Vamos jogar com um Porto de qualidade", disse. A estratégia minhota passa por "abordar o jogo de forma a neutralizar o adversário e potenciar as características da equipa" tentando controlar a partida "desde o início". Sobre o duelo com Vítor Pereira, a quem nunca venceu em jogos disputados no comando de outros clubes, lembrou que perdeu um jogo e empatou dois. "Mas do ponto de vista do sentimento desportivo, que é mais importante para mim, ganhei sempre, porque o Camacha ficou à frente do Espinho [na III Divisão] e o Beira-Mar foi campeão [da Liga de Honra]", sublinhou. O técnico vai ter que mexer novamente na defesa por causa do castigo de Elderson (expulso em Alvalade na Taça de Portugal), devendo optar por Paulo Vinícius à esquerda e Salino na direita. Já o treinador do FC Porto, Vítor Pereira, convocou para o jogo com o Sporting de Braga, da 11.ª jornada da Liga portuguesa de futebol, os mesmos jogadores que chamou para o confronto da Liga dos Campeões com o Shakhtar Donetsk. Diario de Notícias da Madeira
publicado por carlitos às 10:08

Sábado, 26 de Novembro, 2011

PSP/agressões: PGR devia abrir inquérito à atuação "desproporcionada" da polícia - Movimento

Lusa - Esta notícia foi escrita nos termos do Acordo Ortográfico
12:39 Sábado, 26 de Nov de 2011
 

Lisboa, 26 nov (Lusa) - Um responsável da Plataforma 15 de Outubro, que integra o movimento dos indignados, defendeu hoje que o Procurador-geral da República (PGR) devia abrir um inquérito na sequência do vídeo relativo às agressões "desproporcionadas" da PSP a um jovem alemão.

Em declarações à agência Lusa, Renato Guedes, da Plataforma 15 de Outubro, considera que as imagens, que percorrem a Internet e as redes sociais, são elucidativas da "atuação vergonhosa" de vários agentes policiais contra um jovem alemão de 21 anos, no seguimento da manifestação realizada junto do Parlamento no dia da greve geral.

O membro da Plataforma 15 de Outubro defende ainda que o inquérito da Procuradoria-Geral da República (PGR), enquanto garante da legalidade democrática, devia estender-se à atuação da PSP logo no início do dia da greve, ao impor aos piquetes de greve o que "podiam ou não podiam fazer".



Ler mais: http://aeiou.visao.pt/pspagressoes-pgr-devia-abrir-inquerito-a-atuacao-desproporcionada-da-policia-movimento=f635812#ixzz1eoeHPeEx

publicado por carlitos às 12:59

 

 

António Costa optimista face à candidatura do Fado a património da Humanidade

CULTURA

 

 
Já começou a análise dos candidatos para a lista do património Imaterial da Humanidade de 2011, onde está o Fado. A candidatutra é a 39ª pelo que só dever ser abordada amanhã. As perspectivas não podiam ser melhores: a candidatura pode até fazer parte da lista de tradições aprovadas sem discussão. O presidente da Câmara de Lisboa já chegou a Bali, e está optimista.

Daqui a poucas hora ficaremos a saber se o FADO continua a elevar o nome de Portugal pelo mundo e se continua -ainda  mais-  a ser motivo de orgulho mesmo para o mais céticos - não percebo esta tomada de posição por parte de alguns, mas cada cabeça sua sentença.

A verdade é que os três f's que representavam o país na época da ditadura, hoje tem outra roupagem, outras evidências com desenvolvimento em qualquer das 3 áreas e já sem o cinzentismo de então. CAR


publicado por carlitos às 12:43

 

Amanhã quando pisarem o relvado do Dragão, Porto e Braga já sabem o resultado do “derby” da segunda circular, e por isso já sabem se podem colar ou descolar dos seus adversários - no primeiro caso para o SC Braga, no segundo para os portistas.

 

Será sem sombra para dúvidas um dos grandes jogos, aquele que vai opor 1º e 5º, separados por cinco pontos e preparados para dar espectáculo – o FCP x SCB da época passada foi para o vosso escriva, o melhor dos 240 jogos, não só pelo espetáculo emprestado aos 90 minutos do jogo, da sua intensidade, ritmo, da performance dos intervenientes, mas sobretudo pelos cinco golos dos melhores da época, como referi, sobretudo o de Lima, naquele remate forte, indefensável e cheio de beleza, como é já apanágio deste artista com a camisola 18 do SCBraga.

 

As duas equipas vão procurar e lutar muito pela disputa dos 3 pontos em campo, mas se como Domingos referiu o campeão não se encontra á 10ª jornada a verdade é que acredito que com determinada conjugação de resultados o nome pode ficar com mais vantagem.

 

A ver vamos. Como amante da estatística, esta por muito que se queira, não sendo exata, em grande percentagem de exemplos só confirma o vaticinio.

 

Mas em relação ao jogo, pouco há a antever a não ser pelos arsenalistas a “”revolução” que por força dos indisponíveis laterais de ambos os lados – Imorou e Baiano lesionados, e Elderson castigado, a que se junta a “birra” que há em não contar com Galo se o rapaz ainda não teve minutos de jogo para mostrar que L. Jardim, pode contar com ele.Os jogos de qualidade feitos com o emblema do Gil aliado aos golos, faziam deste brasileiro, para ínicio de temporada, um dos reforços de maor valor, mas deram-me a volta...

 

Enfim dada essa impopssibilidade de contar com os habitués das laterais, Leonardo Jardim amanhã vai ter que inventar nos dois corredores.

 

De resto é já o normal das convocatórias ao passo que Porto, pelo menos até ao treino de ontem podia contar com todas as pedras basilares,

 

Vamos aguardar, primeiro por logo à noite e depois amanhã, a partir das 18:15h e desta vez, em canal aberto graças á transmissão via TVI por esse derby nortenho mas acima de tudo pela pujança mostrada de exibições, de ranking e de resultados, qualidade adquirida nos últimos anos e demonstração de performances de alto nível em termos domésticos e em termos europeus, que fazem dele SCB o verdadeiro “quarto” de Portugal, que acaba de nascer mais três derbies: os que opoem bracarenses portistas .a sportinguistas e benfiquistas

 

Para além dos chamados derbies locais – onde se encontram jogos entre Sp. Braga, V. Guimarães e Gil Vicente, ou o Marítimo x Nacional: Há agora mais 3 mas de nível... nacional.

 

Apenas mais um bom exemplo do que tem sido a importância do futebol arsenalista para a Liga e para a ... europa.

 

Bons jogos e sobretudo, fair play!!! CAR

 

 

publicado por carlitos às 12:29

Outra Cidade de Braga
mais sobre mim
Abril 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


ELEVADOR DO BOM JESUS DO MONTE
pesquisar
 
últ. comentários
ola Sílvia.Como amigo que fui do Mário, não podia ...
Olá Carlos!Peço imensa desculpa por não ter respon...
Força Sporting!!! Vamos ganhar Zurich!!!!
Se foi apanhado nas malhas do doping só terá de pa...
Creio que virá a ser uma grande jogador!! já tinha...
É bom ver que grandes marcas como a HP têm em cont...
Será verdade? Este Alan gosta muito de picar o Jav...
Sinceramente acho que este senhor ficou tempo dema...
Poderíamos ter uma equipa já apurada para a próxim...
Vale é que muitos pais avós (agora promovidos a am...
LARGO do PAÇO BRAGA
BRAGA
JARDIM SANTA BÁRBARA - BRAGA
BANCO DE PORTUGAL - BRAGA
SC BRAGA
Outra Cidade de Braga
VICE-CAMPEÃO NACIONAL
ESTÁDIO AXA
subscrever feeds