...onde o facto pactua com a verdade... sempre!!!

contador
Quinta-feira, 20 de Outubro, 2011

 

Re:NOTÍCIAS DO ENORME DO DIA 20/10

Os loucos violetas

ADEPTOS DO MARIBOR PASSARAM TODA A TARDE A CANTAR

Os adeptos do Maribor são conhecidos como violetas e fartam-se de cantar o seu orgulho pelas ruas da cidade. Não. Isto não é pura ilusão. É verdade que o jogo só decorre esta tarde, mas ontem durante todo o dia já se respirava futebol um pouco por todo o lado. Numa cidade com 120 mil habitantes, muito bem organizada e onde a qualidade de vida é evidente em cada esquina, enfrentar uma realidade destas foi um choque para os portugueses. Logo a seguir ao almoço, cerca de 500 adeptos do Maribor reuniram-se nas margens do rio Drava e começaram a cantar, a beber, a lançar foguetes, entrando de seguida num barco que os levou a passar por toda a margem que acompanha o pequeno centro da cidade. Nas ruas, havia resposta. Muito gente a acompanhar os cânticos, outros a simular um mergulho para entrar no barco...

Enfim, algo de inédito se tomarmos em linha de conta que o jogo é só hoje, mas a história não acaba aqui. Depois de saírem do barco, de onde lançaram vários foguetes rumo às margens do rio Drava, os adeptos violetas ainda se juntaram num comboio e continuarem a festa nas ruas. A ideia, segundo eles, é envolver toda uma cidade num desígnio que parece nacional, pois o Maribor é, neste momento, a bandeira de um país no que ao futebol diz respeito. O jogo, como eles também sabem, é decisivo e ninguém admite a derrota, sendo que assim custa um pouco a perceber porque razão o pequeno estádio Ljudski, bonito e funcional e que aqui chamam o “Jardim das Pessoas”, não está ainda esgotado

Record

 

Vencer é a palavra de ordem

O futebol tem destas coisas. Ao finalista vencido da última edição da prova era quase que exigido a ultrapassagem desta fase de grupos. Mas a derrota caseira na segunda jornada quase que obriga a uma vitória no jogo de hoje para que seja dado um passo importante que só poderá ser de gigante caso no confronto de Braga os arsenalistas voltem a triunfar.

É neste ponto que estão as contas, os arsenalistas dependem de si próprios, estão na máxima força e querem atirar para trás das costas as últimas derrotas suavizadas com a vitória para a Taça de Portugal.

Leonardo Jardim fez saber, na conferência de imprensa que não vai abdicar dos princípios de jogo que estão trabalhados na sua equipa. Daí que o onze escolhido por Jardim para o jogo de hoje não ande muito longe daquele que tem sido o hábito nesta temporada. A inclusão de Leandro Salino parece, por isso, o mais óbvio.

No restante, será importante para o Sporting de Braga saber gerir bem os quatro momentos de jogo, controlar o encontro e marcar o seu ritmo. A forma como o fizer poderá ditar o caminho a tomar para alcançar o resultado que se espera seja positivo.

Quanto à equipa eslovena, que ainda não venceu nesta fase de grupos, afastou o Rangers, da Escócia, na pré-eliminatória, tem dominado o futebol do seu país nos últimos tempos e faz do jogo de hoje o mais importante da temporada, pois uma derrota poderá significar o afastamento da competição. Daí que a palavra de ordem para as duas equipas é “vencer”.

 

Leonardo Jardim: “queremos somar os três pontos”

O treinador do Sporting de Braga, Leonardo Jard im mostrou-se bastante pragmático na hora de perspectivar o jogo de hoje. O treinador começou por dizer que “temos três pontos e queremos qualificar-nos e para isso temos de fazer mais pontos que dois adversários. O primeiro objectivo para o jogo é somar os três pontos”. Continuando, disse que “somos uma equipa competitiva e queremos passar esta fase de grupos”.

Relativamente ao adversário, Jardim refere que o “Maribor é uma equipa que vale pelo colectivo, teve duas prestações interessantes, apesar de terem sido derrotados, é uma equipa que procura afirmar-se na Europa, mas nós temos de vencer para dar mais um passo para passarmos à fase das eliminatórias”, acrescentando ainda que, apesar disso, “preparámos este jogo como o fazemos com qualquer outro adversário”.

O treinador arsenalista lembrou que “todos os adversários vão achar que o Braga é favorito pelo pressuposto de termos sido finalistas no ano passado, mas o favoritismo vê-se é dentro do campo, temos de ser mais fortes e competentes”

Jardim mostra o desejo de marcar golos até porque quer vencer: “teremos de marcar e vamos procurar ser superiores, ter o domínio do jogo, aproveitar as debilidades do adversário e ter cuidado com as sua maiores virtudes”

Quanto à pressão de chegar longe, Jardim afirmou que “sabemos as ambições do clube e isso tem de ser um factor normal, se não pretendêssemos ter pressão tínhamos escolhido outra profissão, é uma pressão boa, uma pressão para vencer e isso é bom”. E a finalizar reforçou que o mais importante é ser competitivo para haver ambição.

Correio do Minho

 

Alerta: eles jogam sempre até ao fim

Dizer que um jogo termina apenas quando o árbitro apita pela última vez tornou-se numa frase feita do futebol. Nos encontros do Maribor, porém, é mesmo esse o espírito que costuma prevalecer, já que é no último quarto de hora que o campeão esloveno consegue ser mais eficaz. A conclusão subtrai-se ao analisar-se o tempo dos 43 golos marcados esta temporada pelos violetas (ver gráfico à parte). Por isso, se o Braga quiser sair do Estádio Ljudski Vrt com a vitória, que no mínimo lhe permitirá segurar o segundo lugar no Grupo H - até corre o risco de ser primeiro se o Birmingham vencer -, terá forçosamente de estar concentrado durante o período em que, curiosamente, mais golos sofre. De resto, foi isso que aconteceu na última jornada da Liga Europa, contra o Brugge, na qual os arsenalistas viram o empate fugir-lhes no primeiro minuto do tempo de compensação concedido pelo norueguês Tommy Skjerven.

 

Face ao passado recente na competição, a margem de erro do Braga é agora mais reduzida. Leonardo Jardim sabe-o bem e, por conseguinte, vai fazer regressar os pesos pesados ao onze, depois de estes terem retemperado as energias no jogo teoricamente mais acessível que a equipa tinha no calendário até ao início de Novembro. Quim substituirá Berni na baliza e será o último a tentar evitar que o adversário reforce o hábito de marcar na parte final dos jogos, como sucedeu no play-off da Liga Europa, contra o Rangers, que viu Velikonja fazer um dos 12 golos que o campeão esloveno leva depois do minuto 75; o outro período em que o Maribor consegue ser mais produtivo é entre os 16 e os 30 minutos (nove tiros certeiros).

 

Historicamente não há registo de encontros entre os dois clubes, sejam oficiais ou de carácter amigável. O Maribor já defrontou uma equipa portuguesa no passado, o Nacional, mas foi num particular de pré-temporada, e não se pode dizer que as coisas lhe tenham corrido muito bem, já que perdeu. Se hoje repetir esse resultado, não só atingirá um número redondo de derrotas (50) nas provas organizadas pela UEFA como corre o risco de ver as suas hipóteses matemáticas de seguir em frente caírem a pique, aumentando exponencialmente as do Braga.

 

Leonardo Jardim

"Sem o FC Porto na competição o Braga será sempre favorito"

A presença na final da última edição da Liga Europa não trouxe só benefícios ao Braga. Do ponto de vista desportivo, colocou-lhe algumas responsabilidades em cima dos ombros e é por isso que Leonardo Jardim assume sem qualquer tipo de receio o favoritismo em todos os jogos. "É natural que todos os adversários digam que somos favoritos. Como o vencedor [FC Porto] do ano passado não está na competição, seremos sempre favoritos. Mas isso prova-se dentro do campo", sublinhou o treinador bracarense, cuja pressão de ter de vencer o Maribor para pensar em atingir os oitavos-de-final da prova, objectivo mínimo estipulada pela Direcção do clube para a competição, classifica como "boa". "Se não quiséssemos ter pressão, teríamos optado por trabalhar noutro sítio. Quem joga no Braga tem de ter sempre ambições, porque é o pensamento e a filosofia deste clube", lembrou.

 

Pragmático como sempre e avesso a revelações no que concerne à equipa que apresentará frente ao Maribor, Leonardo Jardim enfrenta sem receio todas as perguntas sobre os recentes êxitos da equipa. Afinal, nem todos os clubes portugueses se podem gabar de ter participado numa final europeia. E isso, apaga da mente dos adeptos qualquer falhanço do passado. "As pessoas lembra-se sempre dos êxitos. Nunca ninguém me pergunta sobre o Braga de há dois anos na Liga Europa [falhou a entrada na fase de grupos]. Temos de conviver com isso, mas, através dos resultados desportivos, queremos impor a nossa marca", sustentou, numa alusão à atitude que pretende para a equipa já no encontro de hoje, com o campeão esloveno, que possuiu uma equipa que diz valer "pelo colectivo". "Apesar de em termos classificativos não estar bem, teve prestações interessantes nos outros dois jogos, em que acabaram por perder. No entanto, foram ambos sempre bastante disputados", realçou o madeirense, convencido de que Alan, Lima e companhia vão marcar pelo quarto embate consecutivo fora de casa. "Se ambicionamos vencer, teremos de marcar. Por isso, vamos procurar ser superiores e ter o domínio do jogo", completou

 

Hugo Viana

"Até à final há várias etapas"

A presença na final da Liga Europa continua a ser tema incontornável nas conferências de Imprensa do Braga. Hugo Viana esteve lá e não esconde que gostou da experiência. Contudo, lembrou que os arsenalistas ainda têm longo percurso a percorrer para repetir o feito da época passada. "A final é o último jogo e, até lá chegarmos, ainda temos de passar por várias etapas. Não vale a pena pensarmos num patamar tão alto quando ainda estamos na fase de grupos", explicou o internacional português, que recusa qualquer favoritismo para o embate de hoje, com o Maribor, só porque a equipa esteve em Dublin. "Não podemos entrar a pensar que somos finalistas. Temos de ter a humildade e o mesmo querer de sempre", referiu o médio, que foi alvo dos mais variados elogios por parte dos eslovenos. No entanto, preferiu partilhá-los com os companheiros. "É bom saber isso, mas não sou só eu que merece elogios, mas sim a equipa, porque têm sido vários a decidir", declarou.

 

Salvador não aponta prazo para ser campeão

António Salvador confessou na sexta-feira que sonhava ver o Braga campeão, se possível, no seu mandato. Contudo, não tem um prazo estipulado para a concretização desse objectivo, pois não tem "nenhum dedo adivinho". "O Braga tem crescido, tem estado na linha da frente, mas não sei quando vamos conquistar esse título", referiu, ontem, o presidente arsenalista antes da partida para Maribor, onde, hoje, a equipa tem um jogo muito importante. "Uma vitória fora é sempre um grande resultado e, em função do que aconteceu no último jogo, em casa [com o Brugge], esta jornada dupla poderá permitir-nos dar um passo importante para a qualificação", lembrou, pedindo união e espírito guerreiro aos jogadores. "Se o fizermos, podemos vencer o Maribor", encerrou o presidente.

 

Pavlin gostava de contratar Hugo Viana para o Maribor

Depois de uma carreira longa e recheada de troféus, conquistados nos mais variados países onde jogou, Pavlin decidiu que estava na altura de arrumar as chuteiras a um canto e abraçar um novo projecto. O antigo internacional esloveno, que passou pelo FC Porto entre 2000 e 2002, está no Maribor como membro do "staff" de Zahovic, um amigo de mais de duas décadas ao qual, curiosamente, "roubou" o título de campeão em 2009/10, quando jogava no FC Koper.

 

"Descobrir jovens talentos" é agora a missão do ex-médio, actualmente na casa dos 40, ele que, em conversa com O JOGO, manifestou uma enorme admiração por um dos atletas do Braga com maior experiência europeia: Hugo Viana. "É um jogador fantástico, o melhor da equipa. Se pudesse, tentava contratá-lo para o Maribor", assegurou Pavlin, que, tal como o arsenalista, tinha no pé esquerdo o favorito. Aliás, o esloveno até acha que, em Portugal, "não há outro esquerdino como [Hugo] Viana". "Os canhotos são sempre jogadores especiais, e ele consegue fazer a diferença no Braga. A equipa é uma coisa com [Hugo] Viana e outra sem ele. Pode dizer-se que é o coração da equipa", elogiou.

Quando compara o Braga do período em que jogou em Portugal e o de agora, Pavlin nem quer acreditar no enorme salto qualitativo do clube minhoto. "É incrível a forma como tem crescido", constata o esloveno, que viu o jogo que os arsenalistas realizaram contra o Birmingham, na primeira jornada da fase de grupos da Liga Europa, e ficou com uma ideia dos problemas que, hoje, eles poderão causar ao Maribor. "O Braga defende bem e tem um contra-ataque muito perigoso. Temos de ter muito cuidado, porque eles têm jogadores rápidos na frente, como Alan e Lima", destacou o antigo médio, que participou no Mundial'2002.

 

Um berço de campeões

Símbolo do país e com seguidores famosos um pouco por todo o mundo, o Maribor, cujos jogadores são conhecidos por violetas, é a equipa com mais títulos conquistados (nove) desde a criação da Liga da Eslovénia, em 1991, e uma das únicas três que nunca desceram de divisão. Mas a cidade também foi berço de grandes atletas eslovenos nas mais diversas modalidades.

 

Para os portugueses, dois serão mais populares que os outros. Zahovic surge logo no topo, o antigo médio-ofensivo que é ainda o detentor do recorde de jogos (80) e golos (35) pela selecção eslovena. Agora é director-desportivo do Maribor, do qual é grande adepto outra das figuras do desporto do país: Sasha Vujacic. Embora seja mais conhecido por estar noivo da tenista russa Maria Sharapova, este basquetebolista tem no currículo dois títulos da NBA pelos Los Angeles Lakers.

 

Darko Milanic

"Temos mesmo de ganhar este jogo"

Último classificado do Grupo H, com zero pontos, o Maribor só tem um caminho hoje se quiser manter a esperança de continuar em prova. "O Braga é uma equipa muito forte, que joga de forma muito ofensiva e que também é muito bom na defesa. Mas é um jogo que temos mesmo de ganhar", definiu Darko Milanic, treinador do Maribor, que pretende "não repetir os erros fatais cometidos com o Birmingham", na jornada anterior. Fã de Hugo Viana - "É muito bom jogador e inteligente" -, o técnico dos eslovenos garante que a sua equipa não irá jogar com argumentos físicos: "Esta geração do Maribor sabe jogar futebol."

 

Um recupera, outro não

O extremo Velikonja recuperou de lesão e foi convocado para o jogo com o Braga, devendo, no entanto, começar no banco de suplentes. Já o outro jogador dos eslovenos que estava em dúvida, o lateral-esquerdo Viler, acabou mesmo por ficar de fora das opções de Darko Milanic, assim como o central Rajcevic, mas este devido a castigo

O Jogo

Liga Europa: SC Braga procura redenção em terreno desconhecido

O choque da derrota caseira com o Club Brugge (1x2) ainda está na memória europeia do SC Braga, pelo que o encontro desta quinta-feira (18h00) se afigura como caminho para a redenção numa prova onde o SC Braga tem estatuto. É na Eslovénia, onde nunca jogou, que os minhotos defrontam o NK Maribor na 3ª jornada da fase de grupos da Liga Europa.

Instalados no segundo lugar, com três pontos, e a outros tantos do Brugge, o SC Braga persegue na Eslovénia o regresso às vitórias no palco europeu, por forma a manter o trilho da qualificação, objectivo traçado por Leonardo Jardim e António Salvador para o finalista vencido da última edição da Liga Europa.

 

Estreia absoluta frente a eslovenos

Sem historial para ajudar a verificar tendências - é estreia absoluta do Braga diante de eslovenos -, trata-se de escrever a primeira página, e de preferência positiva, para memória futura. Memória, mas a do passado, que parece assombrar Jardim na caminhada deste ano.

«O Braga, na época passada, foi à final. Mas isso é passado, neste momento é pouco importante. As pessoas lembram-se sempre dos êxitos e toda a gente pergunta pelo Braga anterior. Ninguém me pergunta do Braga de há dois anos na Liga Europa», disse em conferência de imprensa.

Os minhotos visitam o último classificado do Grupo H da Liga Europa. O Maribor, que tem em Zlatko Zahovic o seu director-desportivo, ainda não somou qualquer ponto e o respeito pelo SC Braga é um ponto de honra para o técnico Darko Milanic: «Sabemos que o SC Braga é uma equipa muito forte.»

Resumindo, seguem-se dois jogos entre SC Braga e NK Maribor, vitais na definição do grupo. No papel, a formação lusa é favorita e seis pontos caíam bem na conta arsenalista, mas é preciso conquistá-los em campo. Os primeiros já esta tarde, a partir das 18 horas.

Zerozero


Hugo Viana: «Queremos chegar o mais longe»

Médio do Sp. Braga optimista para jornada europeia com o Maribor, último classificado do Grupo H, sem qualquer ponto somado

O Sp. Braga prossegue a caminhada europeia nesta quinta-feira, na Eslovénia, e Hugo Viana está optimista para a terceira jornada do Grupo H frente ao Maribor, último classificado sem qualquer ponto.

«Queremos chegar o mais longe possível nesta prova e por isso vamos tentar somar os pontos necessários», afirmou o médio português, citado pela UEFA, na antevisão do encontro.

Depois da vitória em Inglaterra (Birmingham), os minhotos perderam na recepção ao actual líder do grupo (Club Brugge), mas Hugo Viana garantiu que a sua equipa «tem mostrado que consegue ultrapassar momentos de pressão».

Entre os eleitos de Leonardo Jardim, destaque para o regresso de Paulo César, ausente das últimas convocatórias, enquanto Emmanuel Imorou, que se lesionou na Taça de Portugal, é baixa.

 

Leonardo Jardim: «Sp. Braga continua a ser competitivo»

Técnico evita comparações com a campanha europeia de há um ano

Leonardo Jardim, treinador do Sp. Braga, assume que uma vitória na Eslovénia, sobre o Maribor, voltaria a colocar a sua equipa em boa situação na luta pelo apuramento, depois do desaire em casa com o Brugge: «O Sp. Braga tem dois jogos e três pontos neste momento, quer qualificar-se e para isso tem de fazer mais pontos que dois dos seus adversários. O primeiro objectivo é conquistar os três pontos», frisou, na conferência de imprensa de lançamento do jogo, antes do treino realizado pelos minhotos.

O técnico admite ainda que o facto de a equipa assumir ambições em várias frentes não pode servir de desculpa para eventuais insucessos: «É normal que uma equipa com ambições em várias provas conviva com este grau de exigência. Temos de saber ultrapassar isso porque representar o Sp. Braga significa ter de dar resposta às exigências do clube. É difícil jogar em quatro provas, mas temos de ter essa capacidade», alertou, em resposta ao objectivo assumido de conquistar pelo menos um troféu em provas a eliminar (Taça, Taça da Liga e Liga Europa).

Ainda assim, Leonardo Jardim recusa entrar em comparações com a campanha de sucesso na época passada, que culminou com a presença na final da Liga Europa: «O Sp. Braga, na época passada, foi à final, mas isso é passado, neste momento é pouco importante. Agora estamos preocupados com o Braga actual, que continua a ser uma equipa competitiva», concluiu

Maisfutebol

 

Sporting de Braga quer recuperar os pontos perdidos na jornada anterior

'Vamos dar resposta às exigência do clube '

Leonardo Jardim está consciente que é importante obter um bom resultado em Maribor para não perder mais terreno.

O treinador do Sporting de Braga espera uma boa resposta da sua equipa à derrota averbada na jornada passada para a Liga Europa, frente ao Club Brugge. Na conferência de imprensa de antevisão ao encontro de hoje, com o Maribor, Leonardo Jardim assumiu que o jogo é importante, tendo em vista o objetivo de os «arsenalistas» terminarem a fase de grupo num dos dois primeiros lugares. 'O Sporting de Braga Braga tem dois jogos e três pontos neste momento. Quer qualificar-se e para isso tem de fazer mais pontos que dois dos seus adversários. O primeiro objectivo é conquistar os três pontos para chegar à meta que se propõe', começou por dizer Leonardo Jardim, durante a conversa com os jornalistas.

 

O sucessor de Domingos Paciência não teme que o último desaire caseiro influencie a prestação da sua equipa, sublinhando que uma equipa como o Sporting de Braga tem de ter capacidade para responder positivamente à exigência de estar envolvido em quatro competições. 'É normal uma equipa que tenha ambições em várias provas conviva com este grau de exigência. Temos de saber ultrapassar isso porque representar o Sporting de Braga significa ter de dar resposta às exigências do clube. É difícil jogar em quatro provas mas temos de ter essa capacidade', salientou o ex-treinador do Beira-Mar.

 

Leonardo Jardim não esconde o desejo de repetir a caminhada do clube na época passada, mas salienta que, nesta altura, o mais importante é que a atual equipa tenha capacidade para, para já, ultrapassar a fase de grupos. 'O Sporting de Braga, na época passada, foi à final. Mas isso é passado, neste momento é pouco importante. Fez uma caminhada que nunca tinha feito, mas agora estamos preocupados com o Braga actual, que continua a ser uma equipa competitiva. As pessoas lembram-se sempre dos êxitos e toda a gente pergunta pelo Braga anterior. Temos de conviver com isso e através dos resultados desportivos construir o Braga desta época, esperar que seja competitivo e tenha sucesso', completou o técnico madeirense.

 

Após a conferência de imprensa, o plantel bracarense realizou o habitual treino de adaptação ao palco do encontro de hoje.

Exigência. Leonardo Jardim acredita que o Sporting de Braga vai dar uma boa resposta e conquistar a vitória

 

António Salvador

'Acredito num grande jogo'

O presidente dos «arsenalistas» estava otimista antes da partida da comitiva bracarense para a Eslovénia. Em conversa com os jornalistas, António Salvador reconheceu a importância de derrotar o Maribor, depois do desaire caseiro com o Club Brugge. 'Será um desafio importante, mas apesar daquilo que aconteceu na última partida da Liga Europa, confio num bom resultado. Agora, teremos uma jornada dupla frente ao Maribor e se o Sporting de Braga somar dois bons resultados então é dado um passo importante rumo à qualificação', defendeu o líder diretivo dos bracarenses, dando a receita para a obtenção de um bom resultado: 'Estamos conscientes das nossas qualidades e se formos guerreiros como já demonstrámos noutras situações vamos ultrapassar este obstáculo', finalizou António Salvador.

 

Hugo Viana

'Queremos ir longe na prova '

O médio afastou o cenário de pressão devido à derrota na ronda anterior e prevê uma resposta positiva da equipa no encontro de hoje. 'Este grupo tem mostrado que consegue ultrapassar momentos de forte pressão. Não podemos entrar em campo a pensar que somos o finalista, mas, sim, que somos o Sporting de Braga que quer ir longe na prova', frisou.

 

'Sp. Braga é equipa muito forte '

Darko Milanic garante que a equipa eslovena vai jogar ao ataque com o objetivo de derrotar uma adversário 'muito forte', 'É um jogo que temos mesmo de ganhar. Sabemos que o Sp. Braga é uma equipa muito forte, mas Maribor estará t mais empenhado em marcar golos, com uma organização ofensiva mais forte que o habitual e com o objetivo de ganhar',

PRIMEIRO DE JANEIRO

 

Portugueses na Europa

Jardim quer esquecer final do ano passado

"O Sp. Braga, na época passada, foi à final da Liga Europa. É um facto. Mas isso é passado e neste momento é pouco importante. O Sp. Braga fez uma caminhada que nunca tinha feito, mas agora estamos preocupados com o Sp. Braga actual, que continua a ser uma equipa competitiva", disse ontem Leonardo Jardim sobre a partida frente aos eslovenos do Maribor.

Para o técnico dos bracarenses é essencial vencer para a equipa ficar bem posicionada nas contas do apuramento: "O Sp. Braga tem dois jogos e três pontos. Quer qualificar-se e para isso tem de fazer mais pontos do que dois dos seus adversários. O primeiro objectivo é ganhar para chegar à meta que se propõe".

 

Depois, Jardim afirmou que não dá grande importância à inconstância exibicional dos últimos jogos. "É normal numa equipa que tenha ambições em várias provas conviver com este grau de exigência. Temos de saber ultrapassar isso porque representar o Braga significa ter de dar resposta às exigências do clube. É difícil jogar em quatro provas mas temos de ter essa capacidade", salientou.

A grande surpresa no onze dos arsenalistas deve ser a titularidade do médio brasileiro Salino, um dos destaques na vitória frente ao 1.º Dezembro para a Taça de Portugal (3-1), no passado domingo.

 

VIANA QUE "IR LONGE"

Hugo Viana assinalou a importância de uma vitória diante do Maribor depois da derrota caseira com o Brugge (2-1).

"Queremos chegar o mais longe possível na Liga Europa e vamos procurar somar os pontos necessários", disse o médio que, frisou, não se vai deixar afectar pelos elogios de Darko Milanic, técnico do Maribor.

CORREIO DA MANHA

 

Alterações à última jornada (13.ª) do ano

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional divulgou uma série de alterações à 11ª, 12.ª, e 13ª jornada da Liga ZON Sagres. Na ronda capicua, os jogos Benfica-Sporting e FC Porto-Braga serão disputados, respectivamente no sábado 26 e no domingo 27. O Benfica vai abrir a 16 de Dezembro a última jornada do ano, antes da pausa do Natal e do Ano Novo, cabendo ao Braga a honra de disputar o último jogo profissional de 2011.

 

Carlos Resende foi o mais votado pelos adeptos

O ABC desafiou os seus associados a votarem na melhor equipa academista dos últimos 25 anos, para assinalar as bodas de prata da conquista do primeiro título. A adesão foi maciça e acabou por eleger algumas das figuras mais emblemáticas do andebol nacional, como Carlos Resende e Carlos Ferreira, ambos actualmente no comando técnico da equipa. Carlos Ferreira foi designado como o melhor guarda-redes que já passou pelo ABC, e Carlos Resende, que já esteve entre os melhores laterais-esquerdos da Europa, foi o mais votado de todos os jogadores. Jorge Rodrigues foi o central escolhido, e Filipe Cruz o melhor o lateral-direito. Nos seis metros, Rui Aguiar foi o pivô mais votado, Rui Almeida o ponta-direita e, finalmente, Álvaro Martins, o ponta-esquerda que mais encantou os adeptos. Como "suplentes" ficaram Paulo Morgado, António Casaca, José Luzia, Carlos Matos, Vladimir Bolotski, Rui Ferreira e Carlos Galambas.

 

Hóquei em Patins

Braga-Benfica na RTP 2

A primeira jornada do Campeonato Nacional marca o regresso da modalidade à televisão. Assim, a recepção do Braga ao Benfica está marcada para depois de amanhã às 15h05, com transmissão directa na RTP 2. Já o FC Porto recebe no Dragão Caixa, às 16h00 de domingo, o Paço de Arcos, jogo transmitido pelo Porto Canal.

O JOGO

 

Liga Europa: Leonardo Jardim quer trazer três pontos na Eslovénia

O treinador do Sporting de Braga, Leonardo Jardim, afirmou hoje que quer conquistar os três pontos na deslocação ao terreno do Maribor, para ficar mais próximo do objetivo de atingir a segunda fase da Liga Europa de futebol.

“O Braga tem dois jogos e três pontos neste momento, quer qualificar-se e para isso tem de fazer mais pontos que dois dos seus adversários. O primeiro objetivo é conquistar os três pontos para chegar à meta que se propõe”, referiu, citado pelo sítio oficial do Sporting de Braga.

Questionado sobre o elevado número de jogos feitos já pela sua equipa, Leonardo Jardim considerou que “é normal uma equipa que tenha ambições em várias provas conviva com este grau de exigência”.

“Temos de saber ultrapassar isso porque representar o Braga significa ter de dar resposta às exigências do clube. É difícil jogar em quatro provas mas temos de ter essa capacidade”, referiu.

 

O Sporting de Braga defronta na quinta-feira o Maribor, na terceira jornada do Grupo H da Liga Europa, numa altura em que ocupa o segundo lugar da “poule”, com três pontos, menos três que o Club Brugge e os mesmos que o Birmingham, enquanto os eslovenos ainda não pontuaram.

FUTEBOL 365

publicado por carlitos às 09:47

Outra Cidade de Braga
mais sobre mim
Outubro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab


2
3
4
8

9
12
14


25
27
29



ELEVADOR DO BOM JESUS DO MONTE
pesquisar
 
últ. comentários
ola Sílvia.Como amigo que fui do Mário, não podia ...
Olá Carlos!Peço imensa desculpa por não ter respon...
Força Sporting!!! Vamos ganhar Zurich!!!!
Se foi apanhado nas malhas do doping só terá de pa...
Creio que virá a ser uma grande jogador!! já tinha...
É bom ver que grandes marcas como a HP têm em cont...
Será verdade? Este Alan gosta muito de picar o Jav...
Sinceramente acho que este senhor ficou tempo dema...
Poderíamos ter uma equipa já apurada para a próxim...
Vale é que muitos pais avós (agora promovidos a am...
LARGO do PAÇO BRAGA
BRAGA
JARDIM SANTA BÁRBARA - BRAGA
BANCO DE PORTUGAL - BRAGA
SC BRAGA
Outra Cidade de Braga
VICE-CAMPEÃO NACIONAL
ESTÁDIO AXA